Paraíba

João Pessoa vacina trabalhadores da educação em horário estendido

Foram beneficiados os trabalhadores da educação do ensino infantil ao médio, que atuem em estabelecimentos da Capital e sejam residentes no município

Publicado em 19/05/2021 20:30 Atualizado em 19/05/2021 21:09
logo
Por Carlos Rocha
João Pessoa vacina trabalhadores da educação em horário estendido

A Prefeitura de João Pessoa abriu horário estendido da campanha de vacinação contra a Covid-19 na tarde desta quarta-feira (19) até as 21h. Foram beneficiados os trabalhadores da educação do ensino infantil ao médio, que atuem em estabelecimentos da Capital e sejam residentes no município.

A imunização com a primeira dose para este público foi realizada em postos instalados no Mangabeira Shopping, Santuário Mãe Rainha, Universidade Federal da Paraíba (UFPB), Unipê e colégios HBE e Motiva Ambiental. O sentimento era de alegria entre os beneficiados, que reconheceram o esforço da gestão do prefeito Cícero Lucena para vacinar a categoria, inclusive tendo que brigar na Justiça para manter a vacinação desse público.

“Fiquei muito satisfeito com o posicionamento da Prefeitura. A gestão do prefeito Cícero Lucena mostrou a que veio e está cuidando dos interesses da população. A vacinação dos professores é imprescindível”, avaliou o professor Thiago Lacerda, que foi vacinado no drive thru montado na UFPB.

A professora do IFPB, Valdith Lopes Gerônimo, de 53 anos, era só felicidade. A profissional, que foi imunizada no Colégio Motiva Ambiental, no bairro de Tambaú, disse que a dose é um passaporte para a vida. “Estou super emocionada. Depois de ver tanta gente morrendo, tanta gente sofrendo, a gente sem poder trabalhar presencialmente. Então, isso é um passaporte para a vida. É torcer para todos serem vacinados”, disse.

O clima era de muita alegria e felicidade em cada um dos postos de vacinação. Além de receber a primeira dose do imunizante, os profissionais da educação foram recepcionados com apresentações musicais, numa parceria com a Fundação Cultural de João Pessoa (Funjope).

“A organização está perfeita. A música me deixou super emocionada. Foi tudo maravilhoso. Com certeza foi um dos melhores momentos que vivi nos últimos anos”, celebrou a professora Marcela Quirino.

Documentos necessários – No momento da vacinação, além da documentação pessoal, serão solicitadas cópias do contracheque e declaração da instituição de ensino de João Pessoa e do comprovante de residência na cidade, que deverão ficar retidas no posto de imunização.

Leia também:

Pazuello passa mal e depoimento à CPI da covid é suspenso

Suspeito de estupro de enteada na Paraíba é preso na Bahia

Bairros do Cabo Branco e Altiplano terão mudanças no trânsito

Vereador de CG diz que é a favor de chá de hortelã ao invés de vacina

icon whatsapp
Receba as últimas notícias de João Pessoa em qualquer lugar. Começar icone Play