Política

STF volta a julgar suposta parcialidade de Moro em processo contra Lula

A sessão, que acontecerá por videoconferência, está marcada para às 14 horas

Publicado em 23/06/2021 13:57 Atualizado em 23/06/2021 14:01
logo
Por Redação Portal T5
STF volta a julgar suposta parcialidade de Moro em processo contra Lula

(Foto: Reprodução/Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)

O Supremo Tribunal Federal (STF) retoma nesta quarta-feira (23) o julgamento da susposta parcialidade do ex-juiz Sergio Moro na condenação de Lula. O processo volta a ser julgado após recurso contra a decisão da Segunda Turma do STF, que declarou o Moro suspeito na ação penal referente ao triplex no Guarujá (SP). A sessão, que acontecerá por videoconferência, está marcada para às 14 horas.

A decisão de manter a suspeição de Moro já foi votada pela maioria do plenária, com sete votos. Votaram pela manutenção da decisão da Segunda Turma: Gilmar Mendes, Nunes Marques, Alexandre de Moraes, Ricardo Lewandowski, Dias Toffoli, Cármen Lúcia e Rosa Weber. Já pela revogação, Edson Fachin e Luís Roberto Barroso.

Faltam ainda os votos do ministro Marco Aurélio Mello e do presidente do STF, Luiz Fux.

Com a manutenção da decisão da Segunda Turma do plenário, a suspeição de Moro fica mantida. Ou seja, a investigação no processo do tríplex volta para a estaca zero.

icon whatsapp
Receba as últimas notícias de João Pessoa em qualquer lugar. Começar icone Play