Paraíba

Operação Calvário: Ricardo Coutinho recebeu passagens para Carnaval do Rio de Janeiro, afirma investigação

O ex-governador teve a prisão decretada na manhã desta terça-feira (17).

Publicado em 17/12/2019 10:31 Atualizado em 27/11/2020 02:54
logo
Por Redação Portal T5
Operação Calvário: Ricardo Coutinho recebeu passagens para Carnaval do Rio de Janeiro, afirma investigação

Foto: Reprodução / Instagram

O ex-governador Ricardo Coutinho teve a prisão decretada na manhã desta terça-feira (17), após a sétima fase da operação Calvário ser deflagrada pela Polícia Federal e pelo Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado do Ministério Público do Estado da Paraíba (GAECO/MPPB). 

Um trecho da decisão aponta que o ex-governador teria recebido, do empresário Daniel Gomes, transporte e motorista no carnaval do Rio de Janeiro, em 2012, como também, uma hospedagem no Hotel Ferradura, em Búzios.

Segundo o documento, Daniel também teria oferecido "vantagens indevidas a agentes públicos (corrupção passiva), a exemplo de viagens e tickets de shows)". 

Ainda conforme a investigação, no primeiro semestre de 2012, teria ficado sob responsabilidade de Daniel Gomes realizar uma análise de gastos do futuro chamamento público para o contrato de gestão do Hospital de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena. 

Após apresentar os valores, conforme o documento, os dois teriam acertado uma propina mensal de aproximadamente R$350 mil . De acordo com a investigação, a análise do custo mensal do hospital teria sido cerca de R$ 6,9 milhões, no qual, o custo da suposta propina já estaria sendo contabilizada. 

Em setembro deste ano, Daniel Gomes teve a prisão mantida após sessão no Pleno do Tribunal de Justiça da Paraíba. Ele é investigado como líder da Organização Criminosa (Orcrim), na qual teria envolvimento na direção administrativa da Cruz Vermelha. 

A reportagem da TV Tambaú tentou contato com o ex-governador e sua secretária, mas as ligações não foram atendidas.  

Leia mais:

Após Operação Calvário, deputado Cabo Gilberto pede novas eleições para o governo da PB

Ricardo Coutinho é apontado como líder de organização criminosa e tem prisão decretada pela Justiça

icon whatsapp
Receba as últimas notícias de João Pessoa em qualquer lugar. Começar icone Play