TV Tambaú
Jovem Pan
Nova Brasil Maceió
º
Inquérito aberto

MPPB investiga supostos gastos ilícitos da prefeita de Conde em viagem

Inquérito investiga ida da gestora à Argentina em 2022

Por Rinaldo Pedrosa Publicado em
Ministério Público da Paraíba
Ministério Público da Paraíba (Foto: Divulgação)

O Ministério Público da Paraíba (MPPB), abriu um inquérito civil, no dia 16 de agosto, para elucidar a suspeita de improbidade administrativa praticada pela prefeita do município de Conde, Karla Pimentel (PROS). O caso aconteceu em 2022, quando a gestora viajou para a Argentina, com a procuradora-geral do município. Na ocasião, as duas receberam R$ 8 mil em diárias na cidade de Buenos Aires.

O inquérito visa esclarecer se o município de Conde manteve contato, por qualquer meio (telefone, e-mail ou outro), com a embaixada do Brasil em Buenos Aires, solicitando auxílio do embaixador para participação em negociações comerciais que ocorreriam na Argentina entre as datas de 23/02/2023 à 03/03/2023, de interesse da edilidade municipal.

Além disso, o MPPB pede que, caso o contato tenha existido, "Seja informado se houve o agendamento dessas reuniões e as datas em que se realizariam, bem como se ocorreu posterior cancelamento, devendo-se indicar o exato momento de eventual comunicação ao município de Conde ou a sua representante."

Ao Portal T5, a prefeitura de Conde informou que ainda não foi notificada acerca da investigação.

Leia também:



Relacionadas