TV Tambaú
Jovem Pan
Nova Brasil Maceió
º
INVESTIGAÇÃO

Responsável por crime no Mangabeira Shopping planejava ação há dias, diz polícia

Delegado Cristiano Santana concedeu entrevista à TV Tambaú e deu detalhes da investigação

Por Redação T5 Publicado em
Crime vitimou Mayara Barros, gerente de um restaurante
Crime vitimou Mayara Barros, gerente de um restaurante (Foto: Reprodução / Redes Sociais)

A Polícia Civil segue com as investigações do crime cometido na última sexta-feira (12), no Mangabeira Shopping, em João Pessoa. De acordo com o delegado Cristiano Santana, o suspeito já planejava a ação há dias.

Em entrevista à TV Tambaú, o delegado Cristiano Santana informou que a perícia confirmou a ideia de que o crime foi premeditado. "A perícia realizada na residência (do suspeito), encontrou inscrições, que são indicativos de que ele já saiu com a intenção de realizar algo grave. Não sei se um homicídio, mas ele pede que não fosse julgado pelo que viesse a cometer. Ele já saiu com aquilo premeditado."

Até o momento, o suspeito está preso preventivamente no presídio do Roger, na capital paraibana.

Confira a entrevista exibida na TV Tambaú

O caso

Na tarde desta sexta-feira (12), um ataque a tiros que resultou na morte de Mayara Valéria de Barros Ramalho Leite, de 36 anos, dentro do Shopping Mangabeira. A vítima, que atuava como gerente de um restaurante na praça de alimentação do shopping há aproximadamente dois meses, foi alvejada pelas costas por um homem identificado como Luiz Carlos Rodrigues dos Santos, de 47 anos.

De acordo com informações da Polícia Militar da Paraíba, Luiz Carlos invadiu o shopping armado e disparou três tiros contra Mayara, que não resistiu aos ferimentos e faleceu. As autoridades revelaram que o atirador não aceitou a ausência de respostas após ter entregue um currículo no estabelecimento e decidiu se vingar.



Relacionadas