TV Tambaú
Jovem Pan
Nova Brasil Maceió
º
morta aos 19 anos

Caso Lorrayne: acusado vai a júri popular nesta quinta-feira (4)

O júri, inclusive, estava previsto para ocorrer em fevereiro, mas foi adiado.

Por Cristiano Sacramento Publicado em
Lorrayne Damaris da Silva foi assassinada na Paraíba
Lorrayne Damaris da Silva foi assassinada na Paraíba (Foto: Divulgação)

O homem acusado de matar a modelo paraibana Lorrayne Damaris da Silva vai a júri popular nesta quinta-feira (4). A sessão, que tem previsão de início para às 8h30, acontecerá no Tribunal do Júri da Comarca de Cabedelo, na Grande João Pessoa. A juíza titular da 1ª Vara Mista, Thana Michelle Carneiro Rodrigues presidirá o julgamento do réu Keneddy Ramon Alves Linhares.

O júri estava previsto para ocorrer em fevereiro, mas foi adiado a pedido do advogado de defesa, por motivos de saúde.

 O corpo da modelo, de 19 anos, foi encontrado em estado de decomposição, na BR-230, próximo ao distrito de Café do Vento, no município de Sobrado, no dia 20 de dezembro de 2020. Os laudos apontam que a modelo foi morta por estrangulamento em um imóvel da família de Keneddy, na cidade de Lucena. Os dois teriam indo para esta casa após saírem do aeroporto.

Medidas para o Júri Popular

Em função da grande repercussão que o caso gerou, a magistrada enviou ofício ao Comando da Polícia Militar, requisitando o reforço policial da 6° Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM). Durante a sessão de julgamento serão ouvidas quatro testemunhas arroladas pelo Ministério Público.

O acusado, ex-namorado da vítima não aceitava o rompimento do relacionamento. Ele responde por homicídio qualificado, com a qualificadora de feminicídio. Ainda conforme informações processuais, a vítima e o acusado mantiveram um relacionamento amoroso, chegando a morar juntos.

Todavia, o relacionamento do casal foi interrompido pela ofendida, havendo relatos de convivência conturbada devido aos ciúmes e índole possessiva do assacado, tendo a vítima ido morar no Estado de Goiás”, diz a denúncia.

Leia mais:



Relacionadas