Paraíba

STF rejeita recurso da ALPB e estado deve suspender pensões de ex-governadores

Atualmente, os ex-governadores e viúvas de ex-governadores recebem R$ 23.500,82

Publicado em 25/05/2020 15:56 Atualizado em 26/11/2020 20:13
logo
Por Redação Portal T5
STF rejeita recurso da ALPB e estado deve suspender pensões de ex-governadores

O Supremo Tribunal Federal (STF) rejeitou os embargos feito pela Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) e o pagamento das pensões aos ex-governadores ou ex-primeiras-damas do estado da Paraíba deve ser suspensa.

CNH: Detran-PB lança serviço on-line para emissão de 2ª via e da carteira definitiva

A medida deve ser cumprida pelo governo do estado após publicação de acórdão, no dia 18 de maio, com a decisão de inconstitucionalidade do pagamento. No início de maio, o STF havia rejeitado o recurso apresentado pela ALPB.

“Aquele que não esteja titularizando cargo eletivo de Governador do Estado, extinto que tenha sido o mandato, não pode receber do povo pagamento por trabalho que já não presta", relatou o ministro relator Celso de Mello na sentença.

STF rejeita recurso da ALPB e estado deve suspender pensões de ex-governadores

O STF considera inconstitucional, desde outubro de 2018, a lei estadual que disciplinava o pagamento das pensões. Atualmente, os ex-governadores e viúvas de ex-governadores recebem R$ 23.500,82.

Fábio Andrade, procurador-geral do Estado, informou que estava esperando notificação do STF para tomar uma providência sobre o caso.

Leia também: Campina Grande anuncia antecipação de feriados e prorroga medidas de isolamento

Siga o Instagram Facebook do Portal T5 e fique bem informado! 

Adicione o WhatsApp do Portal T5: (83) 9 9142-9330.

icon whatsapp
Receba as últimas notícias de João Pessoa em qualquer lugar. Começar