TV Tambaú
Jovem Pan
Nova Brasil Maceió
º
'Maçãs podres'

Procurador da República no MPF diz que corrupção é problema da estrutura política

"A solução para os problemas de nossa democracia, está em mais democracia", disse.

Por Redação T5 Publicado em
DELTAN DALLAGNOL
Deltan Dallagnol Deltan Dallagnol Foto: André Dusek/Estadão Conteúdo

O caminho percorrido pela política paraibana nos últimos dias apresentou fatos lamentáveis, encarados com muita desconfiança por parte da população. Denúncias de corrupção como o caso do prefeito interino de Bayeux pedindo dinheiro para um empresário com o objetivo de entregar o titular, farpas entre o governador Ricardo Coutinho (PSB) e o prefeito Luciano Cartaxo (PSD) entre outros foram estampados nas capas, telas e microfones dos veículos de comunicação.

Relembre os casos: Prefeito interino é flagrado em vídeo; Ricardo Coutinho diz que Cartaxo é político de palavras feitas e Vereadores brigam em câmara municipal no interior da PB.

Com base no tema corrupção, o Procurador da República no Ministério Público Federal, Deltan Dallagnol, em entrevista a rádio 98 FM, comentou sobre uma possível solução para os problemas.

“A solução para os problemas de nossa democracia, está em mais democracia, na participação da sociedade na política. Nós precisamos de uma política séria, forte. Nós precisamos de pessoas comprometidas com integridade na política. Isso sim, não existe solução para o Brasil fora do sistema político porque embora a Lava-Jato ataque a corrupção, ela ataca como quem retira as maçãs podres de um cesto. Se você quer resolver o problema de maçãs podres num cesto, não basta retirar as maçãs podres. Você tem que mudar as condições de umidade, de luz, de temperatura que faz com que aquelas maças apodreçam”, disse.

Para Deltan, o problema não está apenas na forma de fazer política dos representantes, mas, em tese o problema se estabelece na própria estrutura política. “Quando nós olhamos quais são as condições que fazem existir tanta corrupção, nós vamos ver condições sistêmicas. Problemas no sistema criminal, que gera impunidade como regra; problemas no sistema político que incentivam campanhas caríssimas e busca de recursos; problemas em regras de licitação; problemas na falta de transparência em alguns setores e assim por diante”, completou.



Relacionadas