Gente famosa

Will Smith revela que pensou em assassinar seu pai para "vingar" a mãe

As memórias fazem parte do seu livro "Will", escrito pelo ator

Publicado em 03/11/2021 21:56
logo
Por Carlos Rocha
Will Smith revela que pensou em assassinar seu pai para "vingar" a mãe

Will Smith revela que pensou em assassinar seu pai para "vingar" a mãe (Foto: Reprodução)

Will Smith abriu o coração e contou coisas reveladoras sobre sua infância e traumas. As memórias fazem parte do seu livro "Will", que a revista People teve acesso. Um ponto alto é que o ator chegou a pensar em se vingar de seu pai quando adulto. As informações são da TooFabe.

O artista lembrou de seu pai, William Carroll Smith Sr., participando da maioria de seus eventos de escola primária e sempre colocando comida na mesa da família, mas também tendo uma natureza  "violenta" que "aterrorizou" sua mãe e três irmãos.

"Quando eu tinha nove anos, vi meu pai dar um soco tão forte na cabeça de minha mãe que ela desmaiou", escreveu. "Eu a vi cuspir sangue. Aquele momento, naquele quarto, provavelmente mais do que qualquer outro momento em minha vida, definiu quem eu sou."

Smith explicou como todos os seus elogios ganhos como um adulto foram uma "série sutil de desculpas" para sua mãe por não protegê-la naquele momento. "Por não ter enfrentado meu pai. Por ser um covarde."

"Quando criança, sempre disse a mim mesmo que um dia vingaria minha mãe", continuou ele. "Que quando eu fosse grande o suficiente, quando eu fosse forte o suficiente, quando eu não fosse mais um covarde, eu iria matá-lo."

Décadas depois, esses sentimentos voltaram à sua mente enquanto cuidava de seu pai que estava com câncer, em uma cadeira de rodas.

"Fiz uma pausa no topo da escada", disse ele sobre o momento em que a "escuridão surgiu" dentro dele. "Eu poderia empurrá-lo para baixo e facilmente me safar com isso. Enquanto as décadas de dor, raiva e ressentimento passavam e recuavam, eu balancei minha cabeça e comecei a levar Daddio para o banheiro."

"Meu nome é Will Smith. Ninguém jamais acreditaria que matei meu pai de propósito", brincou. "Sou um dos melhores atores do mundo. Minha ligação para o 911 seria do nível do Oscar."

"Graças a Deus, somos julgados por nossas ações, não por nossas explosões internas causadas por traumas", acrescentou.

Em um episódio de "Red Table Talk" no Dia dos Pais de 2020, Will falou mais sobre o legado de seu pai, que faleceu em 2016.

“Eu adorava como minha família era, mas havia deficiências críticas enormes na educação de meu pai que eu queria corrigir”, explicou ele na época. "Há tantas qualidades lindas que ele instilou que são uma grande parte de mim ... mas como o yin de cada yang, eu o observei espancar minha mãe."

"Então, a maior cicatriz emocional que tenho nesta vida, ele entregou isso também. Ele me mostrou muitas coisas que eu queria fazer, mas ele também me mostrou as coisas que eu absolutamente, positivamente nunca faria aos meus filhos."

icon whatsapp
Receba as últimas notícias de João Pessoa em qualquer lugar. Começar icone Play