Política

Toffoli pede trégua entre poderes e faz apelo a Bolsonaro

Ministro criticou atitudes antidemocráticas e pediu trégua entre os três poderes em meio à pandemia do novo coronavírus

Publicado em 09/06/2020 10:16 Atualizado em 26/11/2020 19:42
logo
Por Redação Portal T5

Após 15 dias afastado da posição de presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), por conta de problemas de saúde, o ministro Dias Toffoli voltou ao cargo em uma cerimônia nessa segunda-feira (8). O evento tinha o intuito de lançar um manifesto em apoio ao STF e à democracia. No local, o presidente da corte fez um pedido de "trégua" entre os três poderes e um apelo a Jair Bolsonaro (sem partido).

Em sua fala, o ministro ainda pediu que o presidente não tome outras atitudes "dúbias", mesmo sem exemplificar o que seriam, pois elas poderiam assustar a sociedade e a comunidade internacional.

"Não é mais possível, e aqui dialogo com presidentes de Poderes, em especial ao presidente Jair Bolsonaro, atitudes dúbias. Tenho uma relação harmoniosa (com ele) e com o vice-presidente Hamilton Mourão. Eles juraram defender a Constituição e são democratas. Chegaram ao poder pela democracia, merecem nosso respeito, mas algumas atitudes têm trazido uma certa dubiedade", disse Toffoli no evento organizado pela Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB).

A possível "dubiedade" citada pelo ministro se dá pela participação em movimentos com propósitos antidemocráticos que pediam o fechamento do STF e do Congresso, como o do dia 19 de abril, que pediam também pela volta da Ditadura Militar. Entretanto, o presidente declarou para jornalistas que as pessoas que defendiam o fechamento dos outros dois poderes estavam participando dos protestos errados.

O presidente Dias Toffolli ainda ressaltou a importância do trabalho da imprensa. Em sua fala, Toffoli disse que ela ajuda a ampliar as fronteiras da informação. "Temos uma imprensa livre, independente e atuante, que amplia as fronteiras da informação. A liberdade de expressão e de consciência política garante ao cidadão amplo direito de voz", completou o presidente do STF.

SBT

icon whatsapp
Receba as últimas notícias de João Pessoa em qualquer lugar. Começar icone Play