Esportes

Rogério Caboclo é afastado da presidência da CBF por 30 dias

O vice-presidente, Antônio Carlos Nunes, o Coronel Nunes, volta ao comando da CBF.

Publicado em 06/06/2021 18:09
logo
Por Redação Portal T5

A Comissão de Ética do Futebol determinou neste domingo (6) o afastamento de Rogério Caboclo, presidente da CBF. O dirigente deve ficar fora do cargo por pelo menos 30 dias com possibilidade de prorrogação para que se defenda da denúncia de assédio moral e sexual, protocolada por uma funcionária da CBF na última sexta-feira (4).

O vice-presidente, Antônio Carlos Nunes, o Coronel Nunes, volta ao comando da CBF. Rogério Caboclo e a CBF já foram notificados da decisão. A diretoria da CBF tem o poder de executar o afastamento com base no artigo 143 do Estatuto da CBF:

“Nos casos de urgência comprovada, a Diretoria da CBF poderá afastar, em caráter preventivo, qualquer pessoa física ou jurídica direta ou indiretamente vinculada à CBF que infrinja ou tolere que sejam infringidas as normas constantes deste Estatuto ou do Estatuto da FIFA ou da CONMEBOL, bem como as normas contidas na legislação desportiva e nos regulamentos da CBF”.

A defesa de Rogério Caboclo disse que “ele nunca cometeu nenhum tipo de assédio e vai provar isso na investigação da Comissão de Ética”.


 

icon whatsapp
Receba as últimas notícias de João Pessoa em qualquer lugar. Começar icone Play