Polícia

Polícia investiga suspeitos de venderem vagas em cursos de medicina por até R$ 120 mil

Além da Paraíba, segunda fase da 'Operação Asclépio' também aconteceu no Rio Grande do Norte, Ceará e Minas Gerais

Publicado em 02/09/2020 09:57 Atualizado em 18/11/2020 22:42
logo
Por Redação Portal T5
Polícia investiga suspeitos de venderem vagas em cursos de medicina por até R$ 120 mil

Foto: Reprodução/Redes sociais

Uma operação da Polícia Civil de São Paulo, que investiga a venda de vagas em cursos de medicina, cumpriu mandados em Campina Grande, no Agreste da Paraíba, na manhã desta quarta-feira (2). 

A segunda fase da Operação Asclépio também aconteceu no Rio Grande do Norte, Ceará e Minas Gerais. Foram identificadas pessoas, com formação em medicina, suspeitas de fraudar vestibulares em universidades de todo o país.

Segundo as investigações, o valor cobrado por cada vaga era de R$ 80 mil a R$ 120 mil. Em seis meses, a quadrilha é suspeita de movimentar R$ 5 milhões. 

A primeira fase da operação aconteceu em abril de 2019, quando 17 pessoas foram presas. 

icon whatsapp
Receba as últimas notícias de João Pessoa em qualquer lugar. Começar icone Play