Paraíba

Paraíba gera saldo positivo de 1.211 empregos com carteira assinada em julho, aponta Caged

Os dados são da Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, com base no Novo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Novo Caged)

Publicado em 21/08/2020 18:00 Atualizado em 26/11/2020 03:44
logo
Por Redação Portal T5
Paraíba gera saldo positivo de 1.211 empregos com carteira assinada em julho, aponta Caged

Imagem/ Reprodução

Apesar dos impactos da pandemia da Covid-19, o mercado de trabalho paraibano voltou a registrar saldo positivo. Em julho, o saldo líquido foi de 1.211 postos de trabalho, resultado da diferença de 7.950 postos admitidos contra 6.739 desligamentos. Os dados são da Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, com base no Novo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Novo Caged), que foram divulgados nesta sexta-feira (21). 

MPPB: João Pessoa deve fazer concurso para 4 mil vagas e licitação para 2 mil postos de trabalho

Três setores contribuíram para o saldo positivo de julho do mercado formal de emprego da Paraíba: indústria (+886 vagas); agropecuária (426 vagas) e construção (+229 vagas), enquanto os setores de serviços (-300 vagas) e comércio (-30) tiveram perdas de postos no último mês.  

Justiça da PB estabelece multa para bar que estava cheio de adolescentes em João Pessoa

Dos nove Estados do Nordeste, oito registraram alta nos postos com carteira assinada, mas apenas Sergipe teve saldo negativo. A região Nordeste registrou saldo positivo de 22.664 postos em julho. Segundo o Ministério da Economia, as cinco regiões do país registraram contratações em julho. Sudeste abriu 34.157 postos de trabalho, enquanto a região Norte criou 13.297 vagas de emprego com carteira assinada, e as regiões Sul e Centro-Oeste abriram, respectivamente, 20.128 vagas de trabalho e 14.084 postos.

O Brasil voltou a gerar empregos com carteira assinada em julho, quando o saldo líquido somou 131.010 vagas abertas. Foram contratados 1.043.650 trabalhadores formais, e demitidas 912.640 pessoas.

Polícia Civil prende, em Cajazeiras, um dos criminosos mais procurados da Paraíba

Leia também: Hospital Arlinda Marques volta a receber estudantes universitários para estágios

Siga o Instagram Facebook do Portal T5 e fique bem informado!

Adicione o WhatsApp do Portal T5: (83) 9 9142-9330.

icon whatsapp
Receba as últimas notícias de João Pessoa em qualquer lugar. Começar