Geral

Mulher morre após 'falha de comunicação' durante salto radical

Autoridades investigam a morte por suspeita de negligência da empresa de esportes radicais

Publicado em 11/10/2021 19:22
logo
Por Redação Portal T5
Salto foi gravado por um turista

Salto foi gravado por um turista (Imagem: Reprodução)

Uma mulher de 33 anos morreu após saltar de rope jump em Karaganda, no Cazaquistão. O acidente aconteceu neste domingo (10), conforme uma publicação do portal New York Post, e a causa teria sido uma "falha de comunicação" entre os funcionários que organizavam o salto.

Um vídeo gravado por um turista que estava no local mostra o momento do salto. Nas imagens, Yevgenia Leontyeva aparece colocando os equipamentos necessários. Ainda é possível ouvir um homem dizendo "eu te amo" para ela. Em seguida, Yevgenia salta de um prédio com cerca de 25 metros de altura.

"Apesar dos esforços da equipe médica, a paciente morreu", disse um porta-voz do hospital local para o site East2West.

Conforme a publicação, o acidente aconteceu após a mulher ter recebido um "sinal verde" antes do organizador prender a corda de segurança. O profissional ainda segurava a corda na mão quando ela saltou. Segundo o New York Post, Yevgenia era familiarizada com o esporte e uma saltadora experiente.

Autoridades investigam a morte da mulher por suspeita de negligência da empresa de esportes radicais.


Leia também:

icon whatsapp
Receba as últimas notícias de João Pessoa em qualquer lugar. Começar icone Play