Paraíba

Mulher é morta a facadas na Paraíba; ex-marido é suspeito do crime

Segundo crime de feminicídio é investigado pela polícia paraibana nesta semana

Publicado em 08/06/2021 07:38 Atualizado em 08/06/2021 08:02
logo
Por Dennison Vasconcelos
Maria Betânia de Sousa teve a vida interrompida

Maria Betânia de Sousa teve a vida interrompida (Foto: divulgação/PMPB)

Uma mulher foi assassinada com golpes de faca na madrugada desta terça-feira (8), no município de Boqueirão, no Agreste da Paraíba. De acordo com a Polícia Militar (PM), o suspeito do crime é ex-marido da vítima e está foragido.

Conforme as investigações, Maria Betânia de Sousa e os dois filhos dela foram feridos pelo homem, por volta de 2h. A mulher morreu no local do crime.

Testemunhas disseram à polícia que a mulher vivia em um relacionamento conturbado, entre idas e vindas.

Os jovens feridos foram socorridos para o hospital do município e a unidade de emergência de Campina Grande. O estado de saúde dos pacientes não foi divulgado até a publicação desta matéria.

O homem continua foragido.

Mais um crime

Outro suspeito de feminicídio é procurado pela polícia na Paraíba. Rosana Silva foi morta a tiros nessa segunda-feira (7), no município de São José de Caiana. O suspeito do crime é ex-marido da vítima. Veja mais sobre o caso

Índice assustador

Uma em cada quatro mulheres foi vítima de violência no Brasil durante a pandemia. Um ano após o início da crise sanitária no país, o ponto que mais deixou mulheres em risco foi a perda de emprego e renda. Saiba mais detalhes da pesquisa divulgada nesta semana

Denuncie

Ao ouvir ou perceber violência doméstica, denuncie pelo 190 (urgência) e 197 (denúncia). Com cuidado, tente chamar pela mulher. A intervenção externa pode cessar a violência. Tente entrar em contato com a vítima, pergunte se ela precisa de ajuda. Se testemunhar ou perceber violência contra a mulher, denuncie.

Fique por dentro:

icon whatsapp
Receba as últimas notícias de João Pessoa em qualquer lugar. Começar icone Play