Política

Mandetta depõe na CPI da COVID-19

Ele é o primeiro a depor na Comissão Parlamentar de Inquérito

Publicado em 04/05/2021 10:29 Atualizado em 04/05/2021 18:16
logo
Por Redação Portal T5

O ex-ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, é o primeiro nome a depor na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da COVID-19, nesta terça-feira (4).

Ele esteve a frente do cargo no início da pandemia, em março de 2020.

A investigação será instalada no Senado e o principal alvo das investigações, o governo federal, começou a se preparar para se defender das acusações de omissão no combate à pandemia.

Na quarta-feira (5) está marcado aquele que deve ser o mais conturbado depoimento da CPI, o do ex-ministro Eduardo Pazuello. Líder da oposição e vice-presidente da CPI da Pandemia no Senado, Randolfe Rodrigues (Rede-AP) declarou na semana passada que há, inclusive, a possibilidade de o general ser ouvido mais de uma vez. 

O cronograma planejado pelo grupo para a CPI prevê um dia inteiro apenas para a oitiva de Pazuello. "É necessário dedicar tempo maior para o Pazuello, porque foi ele que ficou mais tempo à frente da pasta durante a pandemia. Me atrevo a dizer que talvez o ministro a gente tenha que ouvir mais de uma vez", afirmou Randolfe.

icon whatsapp
Receba as últimas notícias de João Pessoa em qualquer lugar. Começar icone Play