Paraíba

Mais de mil idosos esperam por vagas em abrigos de João Pessoa

João Pessoa tem cinco instituições, mas nenhuma delas é governamental

Publicado em 22/06/2021 06:58 Atualizado em 22/06/2021 09:39
logo
Por Redação Portal T5
Mais de mil idosos esperam por vagas em abrigos de João Pessoa

(Foto: CNS/MS/Reprodução)

Um dos principais problemas enfrentados por idosos em vulnerabilidade de João Pessoa é a falta de instituições públicas para acolhimento. Conforme o Ministério Público da Paraíba (MPPB), a capital paraibana dispõe apenas de cinco instituições de longa permanência, ocupadas com 267 pessoas. A fila de espera chega a 1.099 pessoas.

Uma ação civil pública foi ajuizada para que o Município de João Pessoa construa ou adquirira um imóvel, para funcionamento de uma instituição pública de longa permanência, com capacidade mínima, de 100 pessoas.

Em João Pessoa, as instituições que acolhem idosos durante longa permanência são: Lar da Providência Carneiro da Cunha; Associação Promocional do Ancião Dr. João Meira de Menezes (Aspan); Nosso Lar; Casa da Divina Misericórdia e Vila Vicentina Júlia Freire. Nenhuma delas é governamental. 

Conforme o MPPB, A Prefeitura Municipal possui uma entidade para acolhimento provisório. A Casa de Passagem do Idoso tem previsão de 20 vagas, para ambos os sexos, e que, na pandemia, devido às normas de saúde, de distanciamento mínimo entre os leitos, diminuiu o número para abrigamento temporário, acentuando ainda mais a problemática referente ao acolhimento dos idosos vulneráveis. 

O Portal T5 tentou contato com a Procuradoria-Geral do Município, mas até a publicação desta matéria não obteve retorno.

Veja também:

icon whatsapp
Receba as últimas notícias de João Pessoa em qualquer lugar. Começar icone Play