Brasil

Laudo revela DNA de suspeito preso nas unhas de menina Vitória

Servente de pedreiro envolvido no caso está preso desde o dia 15 de junho

Publicado em 30/06/2018 13:30
logo
Por Redação Portal T5
Laudo revela DNA de suspeito preso nas unhas de menina Vitória

Foto: Reprodução/ Beto Váz

O DNA do servente de pedreiro Júlio César Lima Erguesse foi encontrado embaixo das unhas da menina Vitória Gabrielly, de 12 anos, assassinada em Araçariguama (SP). Segundo o laudo oficial do Instituto Médico Legal (IML), a vítima foi morta por estrangulamento no dia 8 de junho.

De acordo com o G1, o resultado do exame feito a partir do material genético encontrado nas unhas da menina foi confirmado na noite desta sexta-feira (29). Desta forma, a polícia pode confirmar que o rapaz esteve com menina.

Júlio César chegou a dar seis versões sobre o desaparecimento da garota, mas ele diz que apenas esteve dentro de um carro com Vitória. A menina teria continuado no veículo junto a um casal.

Preso desde o dia 15 de junho, o servente de pedreiro foi indiciado por homicídio doloso nesta sexta-feira (28). O casal Bruno Marcel de Oliveira, de 33 anos, e Mayara Borges de Abrantes, de 24 anos, foi preso na manhã desta sexta-feira (29).

O caso

No dia 8 de junho, Vitória saiu para andar de patins e não voltou para casa. O corpo da menina foi encontrado oito dias depois, numa mata à margem da Estrada de Aparecidinha.

O laudo do IML aponta que Vitória sofreu uma "morte violenta, de asfixia mecânica por estrangulamento e meio cruel". Marcas nos braços e pernas revelaram que ela tentou se defender do agressor e teria sido amarrada.

icon whatsapp
Receba as últimas notícias de João Pessoa em qualquer lugar. Começar icone Play