Brasil

Laboratório na China vaza bactéria e contamina mais de três mil pessoas

As autoridades de Lanzhou, capital da província de Gansu, ​informaram que um laboratório usou um desinfetante vencido em julho e agosto de 2019 na produção de vacinas contra brucelose para animais.

Publicado em 18/09/2020 12:15 Atualizado em 18/11/2020 11:53
logo
Por Redação Portal T5
Laboratório na China vaza bactéria e contamina mais de três mil pessoas

Uma bactéria "escapou" de um  laboratório biofarmacêutico que produz vacinas para animais na China. O caso aconteceu em 2019 e a bactéria acabou contaminando 3.245 pessoas.

As autoridades de Lanzhou, capital da província de Gansu, informaram que um laboratório usou um desinfetante vencido em julho e agosto de 2019 na produção de vacinas contra brucelose para animais. Também disseram que a esterilização foi incompleta, e as bactérias ainda estavam presentes nas emissões de gases da empresa.

O gás contaminado se espalhou pelo ar e o laboratório pediu desculpas este ano e teve sua licença para produzir vacinas contra a brucelose revogada.

Os pacientes receberão uma indenização, a partir de outubro, de acordo com as autoridades de Lanzhou.

Com informações do Diário de Pernambuco

icon whatsapp
Receba as últimas notícias de João Pessoa em qualquer lugar. Começar icone Play