Paraíba

Justiça da PB estabelece multa para bar que estava cheio de adolescentes em João Pessoa

A penalidade é em razão de terem sido encontrados vários adolescentes não portando documentos ou autorização de seus responsáveis dentro do estabelecimento

Publicado em 20/08/2020 19:00 Atualizado em 26/11/2020 04:06
logo
Por Redação Portal T5
Justiça da PB estabelece multa para bar que estava cheio de adolescentes em João Pessoa

Foto: Reprodução/ Google Street View

O juiz Adhailton Lacet Correia Porto, da 1ª Vara da Infância e da Juventude da Capital, aplicou pena de multa no valor de três salários mínimo ao proprietário de um bar que fica na Zona Sul de João Pessoa. A penalidade é em razão de terem sido encontrados vários adolescentes não portando documentos ou autorização de seus responsáveis dentro do estabelecimento, em desobediência à Portaria 001/2015 e ao artigo 258 do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), fato ocorrido no dia 20.05.2018. A decisão foi proferida nos autos do processo nº 0001273-95.2018.815.2004.

Motociclista é socorrido em estado grave após colisão no bairro Cristo Redentor

Ouvido em audiência, o proprietário alegou que, atualmente, o bar se encontra fechado. Disse que no dia do fato o estabelecimento se encontrava locado por um promotor de eventos. Relatou, ainda, que sempre se preocupou com a proibição de venda de bebidas alcoólicas a menores, bem como a entrada e permanência destes no local.

O Ministério Público se manifestou pela procedência do Auto de Infração, mas requereu, apenas, a aplicação de multa ao promovido, em valor mínimo, uma vez que este colaborou com os agentes de proteção no dia da autuação.

MPPB: João Pessoa deve fazer concurso para 4 mil vagas e licitação para 2 mil postos de trabalho

Na sentença, o juiz Adhailton Lacet disse que a omissão do autuado em permitir a entrada de adolescente nas dependências de seu estabelecimento acabou por culminar na caracterização do tipo previsto no artigo 258 do ECA e nos artigos 3° e 4° da Portaria 001/2015. "Assim, estando caracterizada infração às normas de proteção e defesa da criança e do adolescente, são cabíveis as sanções previstas no ECA", destacou.

A multa aplicada será revertida em favor do Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente.

Justiça da PB estabelece multa para bar que estava cheio de adolescentes em João Pessoa

Polícia Civil prende, em Cajazeiras, um dos criminosos mais procurados da Paraíba

Leia também: Hospital Arlinda Marques volta a receber estudantes universitários para estágios

Siga o Instagram Facebook do Portal T5 e fique bem informado!

Adicione o WhatsApp do Portal T5: (83) 9 9142-9330.

icon whatsapp
Receba as últimas notícias de João Pessoa em qualquer lugar. Começar icone Play