Política

Fim de balanço de empresa em jornais "retribui" ataques da mídia, afirma Bolsonaro

MP publicada no Diário Oficial da União permite às empresas de capital aberto a publicação de seus balanços no site da CVM ou do DO gratuitamente.

Publicado em 07/08/2019 07:45 Atualizado em 18/11/2020 13:47
logo
Por Redação Portal T5
Fim de balanço de empresa em jornais "retribui" ataques da mídia, afirma Bolsonaro

Foto: Pedro Ladeira/ FolhaPress

Durante uma visita a uma fábrica em São Paulo, o presidente Jair

Bolsonaro (PSL) afirmou nessa terça-feira (6), que a medida

provisória que acaba com a obrigação de empresas de capital

aberto de publicar seus balanços em jornais retribui parte dos

ataques que ele diz ter recebido da mídia.

A MP publicada

no Diário Oficial da União permite às empresas de capital aberto a publicação de seus

balanços no site da CVM (Comissão de Valores Mobiliários) ou do DO

(Diário Oficial) gratuitamente.

Assinada por Bolsonaro e pelo ministro da Economia, Paulo Guedes,  a medida afirma que: "As publicações ordenadas por esta lei serão feitas nos sítios eletrônicos da Comissão de Valores Mobiliários e da entidade administradora do mercado em que os valores mobiliários da companhia estiverem admitidas à negociação". Antes, as empresas tinham que publicar os balanços também em um jornal de grande circulação editado no local onde fica a sede da companhia.

"[Fui eleito] Sem TV, sem tempo de partido ou recursos, com

parte da mídia todo dia esculachando a gente. Chamando de racista,

homofóbico, fascista. No dia de ontem eu retribui parte do que

grande parte da mídia me atacou", disse Bolsonaro. 

Apesar

de dizer que a MP foi uma "retribuição" a ataques,

Bolsonaro disse, em seguida, que a medida não é uma retaliação.

"Assinei

uma MP fazendo com que os empresários que gastavam bilhões de reais

para publicar obrigatoriamente seus balancetes nos jornais agora

possam fazer no Diário Oficial a custo zero. Não é retaliação. É

tirar o Estado de cima daquele que produz", completou.

O

presidente já havia falado sobre a medida em outro evento, mais

cedo, ironizando a imprensa. "As grandes empresas gastavam com

jornais, em média, R$ 900 mil por ano. Eu tenho certeza que a

imprensa vai apoiar essa medida."

Veja mais:

Michelle Bolsonaro publica fotos de lingerie que ganhou de presente em rede social

Com informações do Uol

icon whatsapp
Receba as últimas notícias de João Pessoa em qualquer lugar. Começar icone Play