Paraíba

Família denuncia troca de corpos em hospital de João Pessoa; direção explica

Familiares identificaram que havia algo errado na hora de reconhecer o corpo.

Publicado em 01/06/2021 11:28 Atualizado em 01/06/2021 13:47
logo
Por Redação Portal T5
Momento em que o corpo da vítima é devolvido ao hospital para ser reconhecido por familiares

Momento em que o corpo da vítima é devolvido ao hospital para ser reconhecido por familiares (Imagem: Reprodução / Arquivo Pessoal)

Uma troca de corpos foi confirmada pela direção do Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa. Em entrevista à equipe de reportagem do Programa O Povo na TV, o diretor da unidade de Saúde, Laércio Bragante, esclareceu que o corpo entregue de forma equivocada foi reconhecido pelo suposto filho da vítima de Covid-19.

Parentes denunciaram o caso e pediram esclarecimentos. A vítima, dona Gilberta de Fátima, de 55 anos - uma professora, chegou a ser sepultada em Santa Rita, na Região Metropolina da caítal, na última sexta-feira (28). Após a confusão ser identificada, pontuada e esclarecida, o corpo foi retirado do túmulo e devolvido pela funerária aos familiares - e consequentemente ao Trauma onde foram realizados os ajustes necessários.

Ainda de acordo com Laércio, será aberto um processo para investigar as causas do incidente. O resultado da apuração deve ser colhido em alguns dias.

José Baraúna, cunhado de Gilberta, denunciou o caso à imprensa: "A família está abalada. Toda família é da área da Educação. O negócio é gravissimo. Minha filha foi reconhecer o corpo e cheganado lá não achou o corpo. Voltou na assistente social e foi ela que disse que o corpo foi entregue errado". "O corpo quando voltou o caixã estava todo quebrado, porque tinha sido feito o sepultamento", completou. Ele também questionou se a família que enterrou o corpo de forma equivocada sabia da situação.

Confira as entrevitas com as versões na íntegra 

 

icon whatsapp
Receba as últimas notícias de João Pessoa em qualquer lugar. Começar icone Play