Geral

​Exame de sangue pode detectar câncer de pele precoce, diz estudo

O avanço pode beneficiar grande parte da população atingida com a doença.

Publicado em 13/11/2018 11:30 Atualizado em 26/11/2020 03:45
logo
Por Redação Portal T5
​Exame de sangue pode detectar câncer de pele precoce, diz estudo

Melanoma
Melanoma Foto: Reprodução / Internet

Segundo

um estudo publicado na revista Oncotarget, no mês de julho, o

tratamento de câncer pode passar por uma reformulação em breve.

Segundo a publicação, a realização de um exame de sangue

experimental pode potencialmente encontrar o câncer de pele

(melanoma) bem antes do dermatologista detectá-lo de forma visual ou

com ações mais complexas.

Adriana manda indireta ao sair do MasterChef: "Tem gente aqui que paga de pobre"

O

texto propõe que a ação pode detectar a doença em até 81% das

vezes. O teste foi descoberto por pesquisadores da Austrália. O fato

concretiza-se porque o sistema detecta uma combinação particular de

10 anticorpos no sangue de pessoas com câncer de pele melanoma.

O

corpo produz esses anticorpos no ‘estágio inicial da doença’ e

pela primeira vez foi mostrado que os anticorpos são detectáveis no

sangue de pacientes com tumores de melanoma com menos de um milímetro

de espessura”, informou a

dermatologista Claudia

Marçal, da Sociedade Brasileira de Dermatologia e da Academia

Americana de Dermatologia.

Com

diagnóstico precoce, o câncer de pele tem chances de ser resolvido

com êxito em até 90% dos casos.

Leia mais: Como hidratar a pele após um dia de exposição ao sol

Siga nosso Instagram Facebook e fique bem informado!

Para sugerir pautas, entre em contato com a redação pelo número (83) 9.8684-1874 e 3015-3743.

icon whatsapp
Receba as últimas notícias de João Pessoa em qualquer lugar. Começar icone Play