Esportes

Ex-dirigente do Botafogo-PB nega conversa com governador da PB sobre manipulação de resultados no futebol

"Se fiz alguma referência foi tão somente no sentido figurado da expressão, sem fundamento algum", alegou.

Publicado em 29/10/2018 14:59 Atualizado em 26/11/2020 04:16
logo
Por Redação Portal T5
Ex-dirigente do Botafogo-PB nega conversa com governador da PB sobre manipulação de resultados no futebol

Breno Morais (foto) é um dos investigados na operação
Breno Morais (foto) é um dos investigados na operação Imagem: Reprodução / TV Torcedor

Por

meio de uma nota oficial divulgada no início da tarde desta

segunda-feira (29), o Botafogo da Paraíba se posicionou sobre a

repercussão de uma reportagem veiculada no

programa Esporte Espetacular, da

TV Globo. A reportagem repercute o desdobramento das investigações

da

Operação Cartola, deflagrada

pela Delegacia de Defraudações e Falsificações de João

Pessoa (DDF-JP) e o Grupo de Atuação Especial contra o Crime

Organizado (Gaeco) do Ministério Público da Paraíba (MPPB).

A

ação pauta um suporto

esquema de manipulação de resultados envolvendo times do futebol

paraibano. A reportagem aponta uma

possível conversa entre Breno Moraes, ex-dirigente do Botafogo-PB e

Ricardo Coutinho, governador do estado.

O governador, inclusive, já se posicionou sobre o fato declarando como "irresponsável" o uso do seu nome em uma matéria veiculada. No

texto, Breno Moraes nega

ter conversado com Ricardo.

Leia

na íntegra:

"Eu,

Breno Morais Almeida, quero deixar claro que não mantive nenhuma

conversa com o governador Ricardo Coutinho a respeito de manipulação

de resultado de jogos do futebol paraibano e que não tenho

informação alguma que envolva o mesmo em qualquer irregularidade

supostamente apurada pelas investigações da Operação

Cartola. Se fiz alguma referência foi tão somente no

sentido figurado da expressão, sem fundamento algum com o caso em

apuração. Quanto a mim, reafirmo minha lisura à frente

do tempo em que estive na direção do Botafogo da Paraíba e

deixarei provado nos autos do processo a veracidade da minha

inocência. Agradeço ao apoio de todos os torcedores e

reafirmo minha disposição de continuar lutando, dentro da

legalidade, pelo desenvolvimento do futebol paraibano.

João

Pessoa (PB), 29 de outubro de 2018

 BRENO MORAIS

ALMEIDA 

 Ex-dirigente do clube".

Confira também: Reveja as polêmicas de Jair Bolsonaro em entrevista à TV Tambaú

Preços de produtos industrializados sobem 2,93% na saída das fábricas

Siga nosso Instagram Facebook e fique bem informado!

Para sugerir pautas, entre em contato com a redação pelo número (83) 9.8684-1874 e 3015-3741.

icon whatsapp
Receba as últimas notícias de João Pessoa em qualquer lugar. Começar icone Play