Paraíba

Estudantes de medicina fazem campanha para conseguir atuar em unidades de saúde, na PB

Para não ficarem parados e possam colocar os conhecimentos em prática, eles resolveram fazer uma campanha nas redes sociais para ajudar na compra de EPIs

Publicado em 16/08/2020 20:00 Atualizado em 26/11/2020 06:01
logo
Por Redação Portal T5
Estudantes de medicina fazem campanha para conseguir atuar em unidades de saúde, na PB

Foto: Divulgação

Estudantes de medicina que estagiam nas unidades de saúde de Campina Grande estão fazendo uma campanha para conseguir equipamentos de proteção individual (EPIs). Sem esses equipamentos eles não conseguem atuar na área, impedido esse atendimento à população.

A atuação desses estudantes em unidade de saúde faz parte do internato, momento em que os estudantes de medicina passam a praticar a profissão. Os estudantes da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG) alegam que estão sem equipamentos de proteção individual contra o coronavírus, por conta disso, as aulas foram suspensas desde o mês de março.

"Essa é a fase do curso em que o estudante mais contribui para a sociedade, porque no internato a gente faz estágios na rede estadual, na rede municipal e no próprio Alcides Carneiro. Com todo esse tempo parado estamos atrasando a formação de três turmas de novos médicos. No atual cenário de saúde pública é muito importante que o internado retorne", relatou uma estudante.

Para não ficarem parados e possam colocar os conhecimentos em prática, eles resolveram fazer uma campanha nas redes sociais para ajudar na compra desses equipamentos. A UFCG informou que os equipamento foram comprado, no entanto, os estudantes garantem que não receberam.

icon whatsapp
Receba as últimas notícias de João Pessoa em qualquer lugar. Começar icone Play