Brasil

Em vídeo, Zé Trovão diz que se entregou à polícia: “Foi pelo Brasil”

Militante bolsonarista que ficou foragido no México gravou vídeo indicando estar em Santa Catarina

Publicado em 26/10/2021 14:52 Atualizado em 26/10/2021 15:05
logo
Por Carlos Rocha
Em vídeo, Zé Trovão diz que se entregou à polícia: “Foi pelo Brasil”

Em vídeo, Zé Trovão diz que se entregou à polícia: “Foi pelo Brasil” (Foto: Reprodução)

Zé Trovão, militante bolsonarista que esteve foragido no México desde setembro desse ano, disse, em vídeo divulgado nesta terça-feira (26), que estava em Santa Catarina para se entregar à Polícia Federal. Marcos Antonio Pereira Gomes teve ordem de prisão expedida pelo Supremo Tribunal Federal (STF) já que, na época, tentava mobilizar caminhoneiros e manifestantes a participar dos atos com pautas consideradas antidemocráticas, como o fechamento do próprio Supremo.

“Nesse 26 de outubro, eu me entreguei à Justiça brasileira, me apresentei à Justiça brasileira, porque, como diz o nosso hino, verás que um filho teu não foge à luta. E eu jamais iria abandonar o povo brasileiro”, disse no vídeo.

“Eu vim dizer muito obrigado, não sei quanto tempo eu vou passar no cárcere, mas saibam que tudo isso é pelo Brasil, por cada ser humano cidadão de bem. Fiquem com Deus e não desanimem”, disse ainda o militante.

A defesa de Zé Trovão divulgou nota também nesta terça com o seguinte texto:

“Na qualidade de advogados do Sr. Marcos Antonio Pereira Gomes, conhecido como Zé Trovão, informamos que na data de hoje promovemos sua apresentação espontânea ao Excelentíssimo Senhor Doutor Delegado Chefe da Polícia Federal em Joinville – Santa Catarina, cidade de seu domicílio. Assim, está ao dispor da Justiça para provar sua inocência. Na sequência, a defesa formulará pleitos de liberdade.”

icon whatsapp
Receba as últimas notícias de João Pessoa em qualquer lugar. Começar icone Play