Paraíba

CRM-PB dá prazo para que problemas do Trauminha sejam resolvidos

Uma fiscalização do CRM-PB aconteceu nesta quinta-feira no Trauminha de Mangabeira

Publicado em 10/06/2021 19:45 Atualizado em 11/06/2021 09:41
logo
Por Carlos Rocha
CRM-PB dá prazo para que problemas do Trauminha sejam resolvidos

CRM-PB dá prazo para que problemas do Trauminha sejam resolvidos (Foto: Reprodução)

Uma fiscalização do Conselho Regional de Medicina da Paraíba (CRM-PB) aconteceu nesta quinta-feira (10) no Complexo Hospitalar Tarcísio de Miranda Burity, o Trauminha de Mangabeira, e identificou vários problemas.

A comissão fiscalizatória informou que encontrou 12 pacientes em macas nos corredores há 5 dias, aguardando vaga na enfermaria. Também foi constatada a falta de insumos básicos, como luvas, medicamentos e fios de sutura. Isso ocasionou a suspensão de cirurgias.

Outro problema identificado foi na infraestrutura, como paredes mofadas, com infiltrações e também um buraco no teto. Um aparelho de ultrassonografia estava quebrado e esse exame está indisponível.

Os vários problemas encontrados resultaram em um relatório, que foi enviado à direção do hospital e também à Secretaria Municipal da Saúde. Da data do recebimento do documento, os gestores tem o prazo de 5 dias para adquirir os insumos essenciais e também prazo de 15 dias para que apresentem um planejamento permanente para evitar falhas no abastecimento de itens básicos.

Por meio de nota, a prefeitura disse que está tomando providências para solucionar os problemas e que uma nova área de enfermaria está sendo finalizada para acomodar os pacientes.

Leia também:

Paraíba ultrapassa marca de 8 mil mortes por Covid-19

UFPB divulga calendário do semestre suplementar 2021.1

Governo da Paraíba anuncia criação da Delegacia de Crimes Cibernéticos

26 postos aumentaram preço do litro da gasolina em João pessoa; veja

icon whatsapp
Receba as últimas notícias de João Pessoa em qualquer lugar. Começar icone Play