Política

Calvário: MP oferece nova denúncia contra Ricardo Coutinho e mais doze

A nova denúncia foi protocolada na 7º Vara Criminal de João Pessoa e faz parte dos desdobramentos da Operação Calvário

Publicado em 14/09/2021 16:14 Atualizado em 15/09/2021 12:50
logo
Por Carlos Rocha
Calvário: MP oferece nova denúncia contra Ricardo Coutinho e mais doze

Calvário: MP oferece nova denúncia contra Ricardo Coutinho e mais doze (Foto: Reprodução)

Com base em delações premiadas, gravações e documentos, o Grupo de de Atuação Especial Contra o Crime Organizado do Ministério Público do Estado da Paraíba (Gaeco/MPPB) denunciou mais uma vez o ex-governador Ricardo Coutinho, o ex-diretor da Cruz Vermelha, Daniel Gomes, os ex-secretários de estado, Livânia Farias e Waldson de Souza e outras dez pessoas. A nova denúncia foi protocolada na 7º Vara Criminal de João Pessoa e faz parte dos desdobramentos da Operação Calvário.

A formatação da nova denúncia teve foco em um contrato entre governo do estado da Paraíba e a Cruz Vermelha, por meio do Hospital de Trauma da Capital. Vale lembrar que a Organização Social administrou a unidade no período de 2011 a 2019. O Ministério Público menciona repasses feitos pela Cruz Vermelha ao “núcleo agentes públicos”. Esses repasses, segundo a denúncia seria propina.  

A denúncia aponta um valor de R$ 300 mil mensais, durante 60 meses, totalizando R$ 18 milhões. No entanto, de acordo com a investigação, de 2012 a 2017, as transferências ilegais de recursos e outros desvios chegaram a um prejuízo estimado em quase R$ 50 milhões.

Segundo o Gaeco, Daniel Gomes, ex-diretor da Cruz Vermelha, apresentou planilhas eletrônicas com um suposto esquema de repasse de recursos. O investigadores cruzaram as informações com trechos das gravações feitas por Daniel com agentes públicos, em especial, o ex-governador Ricardo Coutinho.

O Ministério Público imputou aos denúnciados, crimes de corrupção passiva, ativa, peculato, crime de licitação.

Até a publicação da matéria, o Portal T5 não conseguiu contato com a defesa dos citados.

icon whatsapp
Receba as últimas notícias de João Pessoa em qualquer lugar. Começar icone Play