Geral

AstraZeneca investiga caso de jornalista da BBC que morreu após vacina

Autoridades querem entender se teria sido a toma da vacina a responsável pelo óbito

Publicado em 31/05/2021 21:00 Atualizado em 31/05/2021 21:11
logo
Por Redação Portal T5
AstraZeneca investiga caso de jornalista da BBC que morreu após vacina

jornalista da BBC, Lisa Shaw, morreu esta sexta-feira (28), e as autoridades de saúde britânicas vão investigar se a sua morte poderá estar relacionada com a toma da vacina da AstraZeneca.

Segundo a família da locutora de 44 anos, Lisa teve coágulos sanguíneos dias depois de lhe ter sido administrada a primeira dose da vacina contra a Covid-19. 

O certificado de óbito indica que a vacina pode ser uma das causas responsáveis pela morte e uma investigação será realizada para determinar se foi, ou não, esta a causa.

Vale destacar que a causa da morte só será anunciada após esta investigação.

Lisa Shaw, segundo a BBC, não tinha qualquer registo de problemas de saúde.

Leia também:

Whindersson Nunes faz música em homenagem ao filho; ouça

"Sinto atração por mulher e homem desde criança", revela Luísa Sonza

Cantor de quadrilha junina morre aos 26 anos de Covid na PB

Hospital da Paraíba celebra mil altas de pacientes curados da Covid

icon whatsapp
Receba as últimas notícias de João Pessoa em qualquer lugar. Começar icone Play