Brasil

Anvisa rejeita vacinação com Coronavac em crianças e adolescentes

Técnicos da agência solicitaram mais informações a laboratório.

Publicado em 18/08/2021 20:27 Atualizado em 18/08/2021 20:39
logo
Por Redação Portal T5
Governo de São Paulo

Governo de São Paulo (Imagem: Reprodução / Gov São Paulo)

Uma decisão da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) culminou na negação para uso da vacina coronavac em crianças e adolescentes de 3 a 17 anos. A informação foi divulgada nesta quarta-feira (18).

Em comunicado, a agência informou que ainda faltam dados para confirmar a segurança e eficácia da aplicação das doses neste grupo. O apontamento foi realizado pelo corpo técnico da instituição.

Meiruze Sousa Freitas, relatora do processo, recomendou que o Ministério da Saúde deve avaliar o uso da dose de reforço para pessoas que integram grupos de maior risco. Nesta faixa estão os idosos acima de 80 anos e pacientes imunocomprometidos - que receberam as duas doses da Coronavac.

Todos os cinco diretores da agência seguiram o voto da relatora. Vale lembrar que a Coronavac é desenvolvida em parceria pelo laboratório chinês Sinovac e produzida no Brasil pelo Instituto Butantan.

icon whatsapp
Receba as últimas notícias de João Pessoa em qualquer lugar. Começar icone Play