Televisão

Agnaldo Timóteo morre aos 84 anos, vítima da Covid-19

Agnaldo estava internado na UTI do do Hospital Casa São Bernardo, desde o dia 17 de março.

Publicado em 03/04/2021 15:57 Atualizado em 03/04/2021 16:10
logo
Por Redação Portal T5
Agnaldo Timóteo morre aos 84 anos, vítima da Covid-19

(Foto: Reprodução / Instagram)

O cantor Agnaldo Timóteo morreu na manhã deste sábado (3), no Rio de Janeiro, após complicações da Covid-19.

Agnaldo estava internado na UTI do Hospital Casa São Bernardo, no Rio de Janeiro, desde o dia 17 de março. No dia 27 de março, ele precisou ser intubado para ser tratado de forma mais segura.

Confira a nota da família

"É com imenso pesar que comunicamos o FALECIMENTO do nosso querido e amado Agnaldo Timóteo. Agnaldo Timóteo não resistiu as complicações decorrentes do COVID-19 e faleceu hoje às 10:45 horas. Temos a convicção que Timóteo deu o seu Melhor para vencer essa batalha e a venceu! Agnaldo Timóteo viverá eternamente em nossos corações! A família agradece todo o apoio e profissionalismo da Rede Hospital Casa São Bernardo nessa batalha".

Trajetória

Agnaldo nasceu em Caratinga, Minas Gerais e começou a sua carreira em programas de calouro da rádio local. Em 1967, ele lançou o LP “Obrigado querida”, que emplacou a música “Meu Grito”, de Roberto Carlos. O artista chegou a gravar mais de 50 álbuns.

Em 1982, Agnaldo foi eleito deputado federal pelo Rio de Janeiro. Ele ainda assumiu mais um mandato em 1994 e também foi eleito como vereador do Rio em 1996. O cantor ainda assumiu mais dois mandatos como vereador de São Paulo em 2004 e 2008.

icon whatsapp
Receba as últimas notícias de João Pessoa em qualquer lugar. Começar