domingo, 15 de dezembro de 2019
Busca

Política

Política

Renan Calheiros vira réu em processo no Supremo Tribunal Federal

A defesa do senador negou as acusações e afirmou que a denúncia foi feita pelo ex-procurador Rodrigo Janot antes do término da investigação pela Polícia Federal

Por Carlos Rocha

20h03 - Atualizado 03/12/2019 às 22h09
Foto: Pedro França/Agência Senado

A Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) aceitou hoje (3) denúncia apresentada contra o senador Renan Calheiros (MDB-AL) pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro na Operação Lava Jato.

Delegado diz que mulher foi perseguida e arrastada antes de ser morta, em João Pessoa

Por 3 votos a 2, o colegiado entendeu que há indícios suficientes para tornar o senador réu em um processo criminal.  A Turma julgou denúncia apresentada em 2017 pela Procuradoria-Geral da República (PGR), que foi baseada na delação premiada de Sérgio Machado, ex-presidente da Transpetro, empresa da Petrobras na época.

João Pessoa registra dois assassinatos em menos de 12 horas, nesta terça-feira

Nos depoimentos, Machado disse que Calheiros e outros políticos do partido teriam recebido valores de empresas que tinham contratos da estatal para repassar a diretórios do MDB. De acordo com a acusação, os supostos repasses teriam ocorrido por meio de doações eleitorais a três diretórios, do MDB no Tocantins e Aracaju e do PSDB em Alagoas, em troca de benefícios na Transpetro.

Morre pai do ator Rainer Cadete, o Téo de 'A Dona do Pedaço'

A defesa do senador negou as acusações e afirmou que a denúncia foi feita pelo ex-procurador Rodrigo Janot antes do término da investigação pela Polícia Federal.  “A própria Polícia Federal, de forma expressa, disse que as provas não comunicam entre si e que elas são desencontradas", afirmou Luiz Henrique Alves, advogado do senador.

Com informação: Agência Brasil

Justiça determina que Rodrigo Bocardi pague R$ 580 mil a banco

Assessora rebate boatos sobre morte de Cláudia Rodrigues: "Falsas"

Como presente de aniversário, Gkay pede R$ 10 para hospital do câncer de JP; veja

Leia Também: Vídeo mostra momento em que crianças são arremessadas de brinquedo em parque de diversões

Siga nosso Instagram Facebook e fique bem informado! 

Adicione nosso WhatsApp: (83) 9 9142-9330.