Paraíba, terça-feira, 18 de setembro de 2018
20° C
Busca

Portal T5

Política

Fernando Collor de Mello desiste de concorrer ao governo de Alagoas

A candidatura de Collor havia sido lançada em 5 de agosto, durante convenção do partido realizada no Iate 'Clube Pajussara', em Maceió

Por Carlos Rocha

21h27 - Atualizado 14/09/2018 às 21h32

Fernando Collor de Mello, do PTC, desistiu de sua candidatura ao governo do Estado de Alagoas. O anúncio oficial foi feito através de um vídeo, publicado nas redes sociais, na noite desta sexta-feira (14).

No vídeo, o candidato do PTC afirmou que, às vésperas da convenção, foi procurado por um grupo representativo da política alagoana, que o ofereceu, de "forma coesa e unida", apoio para formar uma grande frente de oposição, mas não houve "reciprocidade" durante a campanha.

A candidatura de Collor havia sido lançada em 5 de agosto, durante convenção do partido, realizada no Iate 'Clube Pajussara', em Maceió.

A renúncia ainda precisa ser apresentada oficialmente ao Tribunal Regional Eleitoral de Alagoas (TRE-AL) em documento datado e assinado, com firma reconhecida por tabelião ou por duas testemunhas.

A partir daí, é contado um prazo de 10 dias para a escolha formal do substituto.

A chapa majoritária era em coligação com o PSDB, partido do candidato ao vice-governador Kelmann Vieira, que atualmente é vereador por Maceió. Também faziam parte da coligação PSB, PSC, PRB, PROS, DEM e PP.

Ainda não há a definição se a coligação ou outro partido vai indicar um outro nome para a candidatura ao governo de Alagoas.