Paraíba, quinta-feira, 20 de setembro de 2018
31° C
Busca

Política

Política

"Não sou bandido, a exemplo de Lula", dispara Bolsonaro após denúncia no STF

Ele acusado pelo crime de racismo após declarações sobre quilombolas.

Por Redação Portal T5

06h36

“É um jogo político. Eu não sou bandido, a exemplo do Lula. O Lula não é preso político; o processo pelo qual estou respondendo, esse, sim, é político”. A declaração polêmica é do deputado federal Jair Bolsonaro, pré-candidato à Presidência da República pelo PSL. A intenção, segundo Bolsonaro, é de tirá-lo da corrida eleitoral.

No sábado (14), a procuradora-geral da República, Raquel Dodge, ofereceu denúncia ao Supremo Tribunal Federal (STF) contra o político por crime de racismo.

A acusação, que terá relatoria da ministra Rosa Weber, cita expressões discriminatórias que o pré-candidato usou durante uma palestra no Clube Hebraica, em abril do ano passado. Na ocasião, Bolsonaro lembrou de uma visita que fez a uma comunidade quilombola e afirmou que ali “não fazem nada” e “nem como procriadores servem mais”.

À Band, o político comentou o assunto e disse que falou apenas a verdade. “Devemos fazer os quilombolas produtivos, e não confinados como se estivessem em um zoológico, recebendo Bolsa Família e cesta básica”, opinou.

“Eles precisam de liberdade até para evoluir, e não ficar apenas recebendo dinheiro do governo, que é de todos nós que pagamos impostos. A maioria deles não quer isso, a maioria quer ganhar o próprio dinheiro e comprar o que quiser, e não ficar esperando algo do governo”, completou.

Bolsonaro afirmou ainda que não vê preconceito em sua declaração. “Onde está o racismo nisso? Eu impedi algum afrodescendente de entrar em algum lugar, de tomar posse, de ser promovido como proíbe a lei? Acorda Raquel Dodge! Quer tirar alguém do combate na mão grande? Não vai colar isso aí”, disse.

Leia Mais:

+ JP: Confusão entre pai e filhos quase termina em tragédia

+ Inscrições para concurso da UEPB com salário de R$ 3,3 mil iniciam nesta segunda-feira (16)

+ Empresas ofertam mais de 100 vagas de emprego nesta semana, em João Pessoa