TV Tambaú
Jovem Pan
Nova Brasil Maceió
º
Tambaú Debate

Pedro Cunha Lima defende fim de suplentes na mesa diretora da Câmara dos Deputados

O deputado ainda revelou que a Câmara dos Deputados custa cerca de R$ 5 bilhões ao Estado.

Por Redação Publicado em
Pedro
A mesa diretora da Câmara dos Deputados é composta por 7 membros e mais 4 suplentes. A mesa diretora da Câmara dos Deputados é composta por 7 membros e mais 4 suplentes. Foto: Zeca Ribeiro/Câmara dos Deputados

O deputado federal Pedro Cunha Lima (PSDB) afirmou em entrevista ao programa Tambaú Debate nesta terça-feira (24) que seu último projeto em Brasília foi uma sugestão para acabar com os cargos de suplente na mesa diretora da Câmara dos Deputados.

Segundo o deputado, a sua linha de atuação na Câmara continua sendpo com o intuito de reduzir os custos do Estado. Pedro explicou que na mesa diretora são sete membros, entre presidente, vice-presidentes e secretários. Além disso, existem ainda quatro suplentes.

“Eles só atuam quando há uma necessidade de substituição. Cada um possui 11 cargos comissionados com salários que chegam até R$ 14 mil. Aí não tem como não se indignar, porque esse é o dinheiro que falta nos hospitais e nas creches. Então é preciso urgentemente diminuir esses cargos comissionados, já que o suplente só atua quando há uma vaga nos titulares”, criticou.

O deputado tucano ainda revelou que a Câmara dos Deputados tem um custo de 5 bilhões para o Estado, e que isso precisa ser mudado. “Não faz sentido algum você ter esse volume. É uma bandeira que não tem como não deixar de apoiar porque a gente chegou em um limite, onde existem privilégios sobrando, e para o cidadão brasileiro falta tudo”, finalizou.



Relacionadas