Paraíba, terça-feira, 22 de outubro de 2019
30° C
Busca

Portal T5

Polícia

Adolescente esfaqueada por ex-companheiro da mãe teve pulsos quebrados, diz polícia

Ela permanece na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), do hospital regional de Patos

Por Carlos Rocha

14h16

A adolescente de 13 anos esfaqueada pelo companheiro da mãe na madrugada da última quarta-feira (28), na cidade de Condado, Sertão da Paraíba, foi atingida por quatro golpes de faca e teve os pulsos quebrados ao tentar se defender do suspeito, de acordo com o delegado Manoel Martins, responsável pelo caso. A mãe da jovem foi morta na ação criminosa.

“A adolescente foi atingida com quatro facadas pelo ex-companheiro da mãe dela. Uma dessas facadas atingiu o pulmão e, na tentativa de se defender do suspeito, ela teve os pulsos quebrados. Tanto ela, quanto a mãe, Juberlúcia Oliveira da Silva, estão com cortes profundos nos braços”, declarou Manoel Martins na manhã desta quinta-feira (29).

A adolescente segue internada no Hospital Regional de Patos, em estado grave, porém estável. Ela passou por cirurgia e permanece na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), mas sem risco de morte, segundo a unidade.

De acordo com o delegado George Wellington, que atendeu a ocorrência, o crime foi motivado porque o suspeito, que é ex-companheiro da vítima, descobriu que ela teria um duplo relacionamento.

As informações foram prestadas ao Programa Tambaú da Gente, da TV Tambaú. “O suspeito estava em São Paulo e teria descoberto que a vítima tinha uma dupla relação amorosa. Além dele, ela teria outro companheiro da cidade de Patos”, adiantou.

O crime

Segundo as investigações, o “suspeito arrombou a porta da residência com uma espécie de um pé de cabra. Após entrar no local, ele teria visto a vítima e iniciado uma breve discussão. Na sequência ele tomou posse de uma faca e desferiu golpes contra ela”, disse George.

“Após isso, a filha da vítima tentou interpelar pela mãe e foi pra cima do suspeito. Ela também pegou uma faca e conseguiu atingir o homem. Contudo foi ferida também. Os golpes atingiram o pulmão do adolescente”.

“O homem fugiu. Temos a certeza de que ele foi atingido porque deixou um rastro de sangue. Mas, sabemos que foram mais de dez facadas na vítima, sobretudo nos braços – que indica tentativa de defesa, e nas costas. Um crime de extrema crueldade”, afirmou.

A polícia segue na tentativa de localizar o suspeito. Diligências são realizadas, mas, até o fechamento desta matéria não haviam informações sobre a prisão do mesmo. Qualquer informação deve ser prestada ao 197, número do Disque Denúncia.