Paraíba, terça-feira, 22 de outubro de 2019
30° C
Busca

Portal T5

Polícia

Justiça condena humorista paraibano por publicação homofóbica nas redes sociais

Rafael Cunha foi condenado ao pagamento de R$ 15 mil.

Por Redação Portal T5

12h10 - Atualizado 29/08/2019 às 13h20
Rafael Cunha
Rafael Cunha Fotoframe: Reprodução / Instagram

O humorista paraibano Rafael Cunha foi condenado ao pagamento de R$ 15 mil referentes a danos morais como consequência de uma postagem considerada homofóbica. A publicação foi realizada no perfil do humorista no Instagram.

De acordo com o processo, Rafael publicou imagens de uma pessoa e relacionou a ela a afirmação “Fanta light”, “Fanta” e “Faço Melhor”. Para José Ferreira Ramos Júnior, relator do caso, a ação refere-se a expressão popularmente conhecida como “essa Coca é Fanta”, que referência o fato do homem ser homossexual. A decisão é da Segunda Turma Recursal Permanente de João Pessoa e ainda cabe recurso.

Desta forma, José entendeu que o objetivo do humorista foi de desmerecer a imagem da vítima “utilizando-se de expressão de conotação homofóbica, causando elevada humilhação ao autor”, diz um trecho da decisão.

O Portal T5 tentou contactar a assessoria de imprensa de Rafael. Entretanto, nossas ligações não foram atendidas.

Leia mais: Operação da Polícia Civil apreende obras de Clóvis Júnior e Flávio Tavares avaliadas em R$ 40 mil

Suspeitos de realizarem arrastão em bar, roubarem carro e tentarem matar jovem são detidos

Pleno do TJ avalia lei que prevê gratuidade em estacionamentos de JP,

Atrizes paraibanas vencem festival de Gramado, o Oscar do Cinema Nacional

Siga nosso Instagram Facebook e fique bem informado!