Paraíba, terça-feira, 22 de outubro de 2019
30° C
Busca

Portal T5

Polícia

Operação da Polícia Civil apreende obras de Clóvis Júnior e Flávio Tavares avaliadas em R$ 40 mil

Investigado é suspeito de adquirir obras de arte de forma fraudulenta, com cheques e relógios falsos.

Por Redação Portal T5

07h19 - Atualizado 29/08/2019 às 10h30
Entre peças recuperadas, estão obras de artistas como Clóvis Júnior e Flávio Tavares. ​
Entre peças recuperadas, estão obras de artistas como Clóvis Júnior e Flávio Tavares. ​ Foto: Divulgação/Polícia Civil

Uma operação da Polícia Civil apreendeu oito obras de arte na manhã desta quinta-feira (29), em João Pessoa. Segundo as investigações, quadros avaliados em R$ 40 mil foram adquiridos de forma fraudulenta. As peças recuperadas são de artistas nordestinos renomados, como os paraibanos Clóvis Júnior e Flávio Tavares.

A 'Operação Artis Opus' encontrou as obras na residência do investigado, de 50 anos, que, segundo as investigações, utilizava cheques com divergência de assinatura, além de dar como complemento dos valores um ouro e um relógio que afirmava ter um valor aproximado de R$ 10 mil.

Conforme a Polícia Civil, as investigações foram concluídas em aproximadamente um mês e todas as obras de arte foram recuperadas.

O suspeito não foi preso e deve ser indicado pelo crime de estelionato.

Veja mais:

Suspeitos de realizarem arrastão em bar, roubarem carro e tentarem matar jovem são detidos