Paraíba, segunda-feira, 20 de maio de 2019
30° C
Busca

Portal T5

Polícia

Polícia prende suspeitos após troca de tiros e perseguição em rodovia, na Paraíba

A polícia apreendeu vários equipamentos entre eles armas e aparelhos que bloqueiam rastreadores de carro.

Por Redação Portal T5

10h32 - Atualizado 17/03/2019 às 10h43
Um dos suspeitos detidos tem 25 anos
Um dos suspeitos detidos tem 25 anos Foto: Divulgação

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) e Polícia Militar (PM) prenderam na madrugada deste domingo (17), dois homens após uma troca de tiros e perseguição na BR-412, no município de Sumé, no Agreste da Paraíba.

Segundo a assessoria da PRF, os suspeitos estavam com armas e um veículo roubado, além de drogas e equipamentos eletrônicos que bloqueiam sinal de veículos rastreados.

A PRF e PM estavam realizando fiscalização conjunta quando o condutor do veículo não obedeceu a ordem de parada, jogando o automóvel contra os policiais e efetuando disparo de arma de fogo na tentativa de fugir. As equipes iniciaram acompanhamento tático, sendo realizados novos disparos contra os policiais que atiraram para conter os agressores.

Após a abordagem, foi localizado no interior do veículo dois indivíduos, duas espingardas calibre 12mm, munições, dois aparelhos eletrônicos conhecidos como “Jammer", utilizado para bloquear sinal de veículos rastreados, aproximadamente 100g de substância análoga à maconha e placas de veículos.

O veículo utilizado na fuga foi roubado na última sexta-feira (16) no interior de Pernambuco. No momento da fuga haviam quatro homens no interior do veículo, sendo que dois foram presos e os outros dois fugiram para o matagal às margens da rodovia.

Um dos presos possui 25 anos. O segundo indivíduo não identificado foi baleado, socorrido pelo SAMU e levado inconsciente para o Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande.

Ainda conforma a polícia, os homens haviam cometido diversos assaltos em Santa Cruz do Capibaribe, em Pernambuco. Os dois homens detidos responderão por tentativa de homicídio contra os policiais, roubo, porte ilegal de arma de fogo, disparo de arma de fogo em via pública e posse de droga.

Leia mais: Bebê de um ano é esfaqueado pelo próprio pai enquanto estava no colo da mãe, em JP

Secretária de Administração da PB é presa ao desembarcar no aeroporto de João Pessoa

Hipermercado terá que pagar R$ 1 milhão após morte de cadela Manchinha

Siga nosso Instagram Facebook e fique bem informado!