Paraíba, quinta-feira, 25 de abril de 2019
30° C
Busca

Portal T5

Polícia

Após prisão, dupla suspeita de furtar carros usando bloqueador de alarmes é liberada

Além da Paraíba, os homens são suspeitos de cometer os crimes nos estados de Pernambuco e do Rio Grande do Norte

Por Redação Portal T5

20h22 - Atualizado 11/02/2019 às 20h51
Central de Polícia Civil, em João Pessoa.
Central de Polícia Civil, em João Pessoa. Foto: Reprodução / Internet

Após uma perseguição, a Polícia Civil prendeu na tarde desta segunda-feira (11) dois homens suspeitos utilizar bloqueadores de alarmes para furtar objetos de valor deixados por proprietários de carros dentro dos veículos.

Segundo o delegado Carlos Othon, além da Paraíba, os homens são suspeitos de cometer os crimes nos estados de Pernambuco e do Rio Grande do Norte.

O delegado informou que ação da dupla já vinha sendo monitorada. “Soubemos que eles estavam seguindo uma pessoa e que iriam praticar mais um crime”, afirmou.

Um deles já confirmou que foi preso pelo mesmo crime outras vezes. O segundo detido se negou e disse que se resguardará à justiça para prestar esclarecimentos. A Polícia Civil está no encalço deles”, completou.

Os suspeitos foram encaminhados à carceragem da Central de Polícia, no bairro do Geisel. Eles foram interrogados e tiveram objetos apreendidos. Por não haver flagrante, um inquérito foi aberto para investigar os suspeitos que foram liberados após a audiência.

Leia mais: Colisão entre carro e caminhão deixa três pessoas feridas, em rodovia de JP

+ Delegado atingido em tiroteio com bandidos dá entrada em hospital particular

Comissão do MP interdita parte da arquibancada do Almeidão, em João Pessoa

"Ele me ameaçou e me agrediu", diz suspeito de esfaquear ‘colega’ por conta de coleira de cachorro

Mãe de jovem morto por conta de coleira diz perdoar assassino: "Não quero justiça com as próprias mãos"

Siga nosso Instagram Facebook e fique bem informado!

Para sugerir pautas, entre em contato com a redação pelo número (83) 9.8684-1874 e 3015-3741.