sábado, 28 de novembro de 2020
Busca

Portal T5

Polícia

“Estava totalmente embriagado”, diz delegada sobre o homem que armou o próprio sequestro

O suspeito forjou o próprio sequestro para fugir com a amante.

Por Redação Portal T5

12h27
Os supostos sequestradores teria pedido a quantia de R$ 5 mil para liberar o suspeito. Imagem ilustrativa
Os supostos sequestradores teria pedido a quantia de R$ 5 mil para liberar o suspeito. Imagem ilustrativa Foto: Reprodução / Internet

A mulher dele acreditava - de fato - que havia sido um sequestro. De imediato, nós acionamos todo o aparato policial e começamos a realizar o trabalho de investigação. Na conversa com ela, fiquei sabendo que ele teria ido deixar um bolo na cidade de Cuteigi, e que esse bolo seria se um proprietário da cidade e Alagoa Grande. De imediato mandei chamar o proprietário e esse proprietário disse que aquele sequestro não havia existido”. A declaração da delegada Maria Solidade revela como a Polícia Civil desarticulou um suposto sequestro forjado por um homem que pretendia fugir com a amante e para isso, roubaria R$ 5 mil reais da então esposa.

O caso aconteceu na cidade de Alagoa Grande, no Agreste paraibano. Em entrevista ao programa Tambaú da Gente, da TV Tambaú, Solidade deu detalhes de como o suspeito foi encontrado: “Nós encontramos ele totalmente embrigado com amigos. Todos fugiram quando nossa equipe chegou, prendemos ele e autuamos em flagrante. Ele assinou um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) pois, de fato, trata-se da finalização de um crime que não existiu”, afirmou.

Ele disse que pediu R$ 5 mil porque havia gastado todo o dinheiro com a venda de bolos, além da quantia que seria decorrente da venda de uma moto. Ele não tinha como reaver esse dinheiro sem ter montado esse sequestro”, completou.

Questionada sobre a reação da então esposa do suspeito, Maria Soledade declarou que trata-se de uma situação de extrema delicadeza: “Imagine uma mulher saber que está sendo traída dessa forma. Através de um sequestro forjado cujo objetivo era fugir com a amante. Um casamento que foi de água a baixo”.

Ainda segundo a delegada, o suspeito responderá ao TCO.

Leia mais: Lutador de jiu-jitsu desaparecido é encontrado morto em prédio abandonado

+Caixa abre processo seletivo para vice-presidentes com salários acima de R$ 650 mil por ano