quinta-feira, 13 de agosto de 2020
Busca

Paraíba

Paraíba

CRM-PB revoga interdição de hospital em Soledade após diretoria garantir escala completa de médicos

Em fiscalização na manhã desta terça-feira (02), Conselho encontrou hospital sem médicos

Por Carlos Rocha

17h25
Foto: Divulgação/ CRM-PB

Após a fiscalização do Conselho Regional de Medicina da Paraíba (CRM-PB) constatar a falta de médicos no Hospital Municipal de Soledade e promover a interdição ética, a diretoria técnica da unidade de saúde apresentou a escala médica para este mês de junho, na tarde desta terça-feira (02). Com isso, o CRM-PB revogou a interdição que teria início a meia noite.

Criança de 1 ano morre após injeção e pais acusam médico de negligência, no interior da PB

A equipe de fiscalização do Conselho esteve no hospital nesta terça pela manhã e, na ocasião, não havia nenhum médico no local, apesar de dois pacientes internados.

“Já checamos as informações contidas na escala médica e achamos mais prudente anular a interdição anunciada hoje pela manhã. Estamos em um momento difícil, de pandemia, e não podemos deixar a população desassistida”, afirmou o diretor de fiscalização do CRM-PB, João Alberto Pessoa.

Fake News: informação sobre suspensão de serviço de delivery em João Pessoa é falsa

Ele explicou que, segundo a diretoria do hospital informou, um dos médicos da unidade de saúde não pôde trabalhar esta manhã por motivo de doença. Além disso, a médica que trabalhou até às 7h da manhã, saiu antes que chegasse outro plantonista.

“Um hospital não pode ficar sem médicos, é inadmissível. Por isso, o CRM-PB abrirá uma sindicância para apurar a falta de assistência aos pacientes nesta terça-feira”, afirmou o diretor de fiscalização do CRM-PB.

Leia também: Grupo cria "Delivery de Amor e Carinho" para visitar idosos à distância na PB; saiba mais

Siga o Instagram Facebook do Portal T5 e fique bem informado! 

Adicione o WhatsApp do Portal T5: (83) 9 9142-9330.