Paraíba, domingo, 22 de setembro de 2019
30° C
Busca

Paraíba

Paraíba

TST diz que 70% dos funcionários dos Correios devem manter atividades; categoria afirma continuidade da greve

Os trabalhadores reivindicam reajuste salarial com reposição da inflação (3,25%) e não querem cortes de direitos conquistados.

Por Redação Portal T5

07h36
Foto: Divulgação/Sindicato dos Trabalhadores Empresa Correios Telégrafos (Sintect)

O Tribunal Superior do Trabalho (TST) determinou nessa quinta-feira (12) que 70% dos empregados dos Correios mantenham as atividades da empresa durante a greve iniciada nesta semana. Pela decisão, o descumprimento do efetivo acarretará na aplicação de multa de R$ 50 mil por dia aos sindicatos da categoria.

A decisão do ministro foi proferida em audiência de conciliação entre a empresa e os sindicatos que representam os trabalhadores. Na reunião, o ministro propôs o fim da greve. Em contrapartida, os Correios devem manter os termos do atual acordo coletivo de trabalho e o plano de saúde dos empregados até 2 de outubro, data do julgamento do dissídio coletivo pelo TST. A empresa aceitou a medida e os sindicatos levarão a proposta para votação nas assembleias locais.

Em nota ao Portal T5, o Sindicato dos Trabalhadores da ECT na Paraíba afirmou que "orientamos aos trabalhadores que mantenham em greve procurando ampliar a mobilização nos locais de trabalho com a realização de atos, panfletagens, coleta de assinaturas no abaixo assinado contra a privatização, passeatas para dar visibilidade a luta da categoria e ainda realização de nova assembleia na próxima terça-feira (17)."

O sindicato no estado ainda afirmou que seguirá a orientação nacional da categoria. Uma reunião nesta sexta-feira (13), às 13h, com todos os sindicatos do país decidirá o encaminhamento em conjunto de posicionamento.

Os trabalhadores reivindicam reajuste salarial com reposição da inflação (3,25%) e não querem cortes de direitos conquistados.

Serviços

Segundo os Correios, devido à greve, um Plano de Continuidade de Negócios foi montado pela empresa e as postagens e entregas de correspondências e de encomendas Sedex e PAC continuam sendo realizadas em todos os municípios. Os serviços com hora marcada (Sedex 10, Sedex 12, Sedex Hoje) estão suspensos temporariamente.

Veja mais:

Mulher afirma que matou homem após ser estuprada em João Pessoa

Com Agência Brasil