Paraíba, quarta-feira, 18 de setembro de 2019
30° C
Busca

Paraíba

Paraíba

Caminhoneiros não entram em acordo e liberação de combustível para JP só acontece nesta quarta

Os caminhoneiros protestam desde a segunda-feira (21) no Porto de Cabedelo pedindo a redução do preço do diesel.

Por Vitor Feitosa

17h07 - Atualizado 22/05/2018 às 17h09
Caminhões parados no Porto de Cabedelo, em maio de 2018.
Caminhões parados no Porto de Cabedelo, em maio de 2018. Imagem: Reprodução/WhatsApp

Os caminhoneiros que protestam no Porto de Cabedelo desde a segunda-feira (21) pela redução no preço do diesel, impedindo a distribuição de combustível para a Grande João Pessoa, não entraram em acordo com o Centro de Distribuição.

Nesta terça-feira (22) já houve a liberação da carga de 30% de combustível para atender aos serviços essenciais, mas a expectativa é de que a falta de combustível continue atingindo os postos da capital até esta quarta (23).

Por conta de protestos, postos ficam sem combustíveis em João Pessoa

Segundo informações obtidas pela reportagem do Portal T5, houve um princípio de negociação entre os caminhoneiros, o Porto de Cabedelo e um proprietário de um posto que atende aos serviços essenciais, inclusive com a presença da Polícia Militar.

Protesto de caminhoneiros provoca lentidão no trânsito em cidades da PB

O rapaz alegou que seu posto estava sem combustível e tentou negociar uma liberação maior, mas os caminhoneiros foram totalmente contrários e isso só deve acontecer mesmo na quarta-feira.

Leia também:

Câmara de JP aprova pedido de redução de imposto sobre preço da gasolina ao Governo da PB

Policial desaparecido há dois dias é encontrado morto com tiro na cabeça, na Paraíba