Paraíba, sexta-feira, 22 de junho de 2018
18° C
Busca

Paraíba

Paraíba

João Pessoa tem apenas duas praias em boas condições, diz relatório

A análise foi realizada com base nas normas do Conselho Nacional do Meio Ambiente, órgão ligado ao Ministério do Meio Ambiente.

Por Redação Portal T5

06h22 - Atualizado 21/12/2017 às 08h03
A praia de Manaíra é uma das que devem ser evitadas neste fim de semana
A praia de Manaíra é uma das que devem ser evitadas neste fim de semana

Um levantamento sobre a qualidade das águas do litoral brasileiro, de janeiro a outubro deste ano, mostra que 335 praias foram consideradas ruins ou péssimas, sendo 234 delas (cerca de 70%) em cidades grandes ou médias.

Em João Pessoa, entre as prais analisadas, foram consideradas péssimas, a Penha, Bessa e Manaíra. Com qualidade ruim, Cabo Branco, Penha, Jacarapé, Arraial e Seixas. Classificadas como regulares, ficaram as praias do Bessa, Tambaú e o trecho entre Tambaú e Cabo Branco. Entre as praias boas apenas Gramame e Camurupim entraram na lista. Algumas praias podem aparecer em mais de uma qualificação dependendo do trecho analisado.

De acordo com o estudo, são consideradas péssimas aquelas que estiveram impróprias em mais de 50% das medições do período. São ruins as que estiveram impróprias entre 25% e 50% das vezes, e regulares, as impróprias em até 25% das coletas. As boas são aquelas que não estiveram impróprias em nenhuma das medições.

A análise foi realizada com base nas normas do Conselho Nacional do Meio Ambiente, órgão ligado ao Ministério do Meio Ambiente, e métodos usados pela Cetesb.

A concentração de praias sujas em áreas urbanas resulta de fatores como deficiências na coleta e tratamento de esgoto e a poluição dos rios.

Nesta semana, a Superintendência de Administração do Meio Ambiente (Sudema) divulgou, que na capital, os banhistas devem evitar o banho na praia de Manaíra, no trecho que fica 100 metros à direita e 100 metros à esquerda da galeria pluvial no fim da avenida Ruy Carneiro. Na praia do Cabo Branco, recomenda-se evitar o trecho que fica na rotatória da Avenida Cabo Branco (100 metros à direita e 100 metros à esquerda). Na praia do Seixas, o órgão recomenda que evitem o banho em frente a galeria de água pluvial do farol do Cabo Branco (100 metros à direita e 100 metros à esquerda).

O levantamento foi realizado pela Folha de S. Paulo - Uol