terça-feira, 22 de setembro de 2020
Busca

Portal T5

Geral

Enfermeira denuncia histerectomia irregular em imigrantes detidas nos EUA

Segundo a profissional, as mulheres tinham os úteros completa ou parcialmente retirados sem entender a razão da cirurgia

Por Carlos Rocha

22h30 - Atualizado 16/09/2020 às 21h42
Foto: Reprodução/Web

De acordo com a enfermeira americana Dawn Wooten, histerectomias (retirada completa ou parcial do útero) estão sendo realizadas em imigrantes detidas na Geórgia, Estados Unidos. A mulher fez a denúncia às organizações de direitos civis Project South e Government Accontability Project.

Em entrevista à agência Reuters, ela conta que as mulheres com fortes dores menstruais ou que pediam medicamentos para controle de natalidade eram encaminhadas para um ginecologista fora da unidade, que, então, fazia a cirurgia. Muitas das pacientes não eram informadas sobre o procedimento e não entendiam o que estava acontecendo.

Uma das mulheres que teve o útero retirado sem explicação diz ter se sentido como em um experimento em um campo de concentração. “Era como se estivessem fazendo experiências com nossos corpos”, afirma, em entrevista ao Project South.

A denúncia será investigada pelo Departamento de Segurança Nacional dos EUA. A presidente da Câmara do país, Nancy Pelosi, reforçou o pedido de investigação e classificou a situação como um “abuso avassalador dos direitos humanos”.

Confira a matéria completa no Metrópoles, parceiro do Portal T5

Leia também: Mister é "descoroado" após reagir a "fora" de garota na web: "Não compactuamos com machismo"

Desempregado, vencedor do Masterchef decide doar prêmio: "é preciso ajudar"

Passageiro é expulso de voo da Latam após fazer ofensa homofóbica contra comissário

Homem quebra sorveteria e xinga atendente que pediu para ele usar máscara: "Seu lixo"

Siga o Instagram Facebook do Portal T5 e fique bem informado!

Adicione o WhatsApp do Portal T5 e receba as notícias em seu celular: (83) 9 9142-9330.