sexta-feira, 28 de fevereiro de 2020
Busca

Portal T5

Geral

Veja 8 brincadeiras e desafios da internet que podem causar acidentes ou morte

Para evitar que os filhos reproduzam esse tipo de ação, cabe aos pais estarem por dentro do tipo de conteúdo que eles consomem na internet

Por Carlos Rocha

21h59
Foto: Reprodução/ Instagram

Quando se trata de crianças e adolescentes na internet, os pais tendem a ter dificuldades no controle do conteúdo consumido pelos filhos. Apesar de todo o cuidado e monitoramento, é fundamental que haja diálogo sobre o assunto na família. Estabelecer limites também é importante, seja de tempo de navegação ou no conteúdo acessado em si, segundo especialistas.

Desafios, trollagens, brincadeiras, feitas por influenciadores digitais são estimulantes nessa faixa etária. Para evitar que os filhos reproduzam esse tipo de ação, cabe aos pais estarem por dentro do que eles assistem e curtem na web. Isso só é possível com diálogo e participação na vida dos filhos.

Na última semana, o desafio da rasteira se popularizou e muitos adolescentes o reproduziram. Relatos de pessoas que se machucaram e até de uma morte por traumatismo craniano ligou o alerta de muitos pais e educadores sobre o tema. Separamos oito desafios que viralizaram ou não na internet que são perigosos e pode até mesmo custar a vida.

1. Desafio do aerosol - No início de 2018, o 'desafio do aerosol' virou febre entre adolescentes e tomou conta das redes sociais, mas também se tornou uma preocupação para os pais. A 'brincadeira', que consistia em espirrar um desodorante diretamente na boca e segurar o ar, acabou em tragédia, com a morte de uma menina de sete anos, em São Bernardo do Campo, na grande São Paulo, após uma parada cardíaca.

2. Desafio do desmaio ou da asfixia - O desafio que fazia com que crianças prendessem a respiração ou usassem objetos que causassem asfixia até quase desmaiar se tornou viral em 2016. Mas, assim como o do aerosol, ganhou destaque por um motivo trágico: a morte de um menino de 13 anos depois de jogar online com amigos em São Vicente, litoral de São Paulo. Gustavo Riveiros Detter foi encontrado com uma corda no pescoço na frente de um computador.

3. Desafio Kylie Jenner - Apesar de não ter causado vítimas fatais, o desafio que ficou conhecido como Kylie Jenner (influenciadora e empresária que possui os lábios carnudos) também oferece riscos a quem o coloca em prática. O 'boom' da brincadeira foi em 2015, quando milhares de jovens usaram tampas de plástico, copos e outros objetos para, a partir do vácuo, deixar os lábios maiores. Mas, segundo especialistas, isso pode gerar lesões e deformar a boca permanentemente.

4. Desafio da roleta-russa humana - Dois jovens seguram um terceiro e tentam girá-lo. Assim era o 'desafio da roleta-russa humana', que também terminou muito mal. Uma adolescente de 16 anos morreu vítima da brincadeira, que fez sucesso em 2019, após cair e sofrer um traumatismo craniano.

5. Desafio Bird Box - Após o sucesso mundial do filme Bird Box, da Netflix, muitas pessoas aderiram ao #BirdBoxChallenge, hashtag que se tornou popular nas redes sociais e reunia imagens de pessoas que, assim como no longa, passaram a realizar tarefas com os olhos vendados. Apesar de parecer inofensiva, a brincadeira pode fazer com que as pessoas se machuquem, o que obrigou até a própria Netflix a se pronunciar sobre o caso. "Não estou acreditando que preciso dizer isso, mas: POR FAVOR, NÃO SE MACHUQUEM COM ESSE DESAFIO DE BIRD BOX", disse a empresa na época.

6. Puxar a cadeira - Longe das redes sociais, uma brincadeira antiga, mas que ainda acontece, pode causar os mesmos danos que o desafio da rasteira, por exemplo. A vítima, distraída, pode bater a cabeça e outras partes do corpo na queda e sofrer graves ferimentos.

7. 'Cuecão' ou 'calcinhão' - Você provavelmente já viu alguém praticar o famoso 'cuecão' (ou, com mulheres, 'calcinhão'), que consiste em agarrar a roupa íntima da pessoa e puxá-la para cima. A 'brincadeira', que já fez parte da vida escolar de muita gente, também pode acabar mal e provocar lesões na vítima. Definitivamente não deve ser mais praticada.

8. Desafio da rasteira - O 'desafio da rasteira', brincadeira em que três jovens pulam ao mesmo tempo e um é derrubado, que viralizou nos últimos dias, ligou o sinal de alerta em pais e escolas, pois, segundo especialistas, pode terminar em tragédia.