Paraíba, segunda-feira, 16 de setembro de 2019
30° C
Busca

Portal T5

Geral

Mãe mostra filha confortando irmão após sessão de quimioterapia; foto viraliza

Norte-americana fez relato comovente sobre câncer infantil

Por Carlos Rocha

16h13
Foto: Reprodução/Facebook/Beckett Strong

Mãe de três crianças, a norte-americana Kaitlin Burge publicou uma foto comovente que mostra a filha, Aubrey, de cinco anos, confortando o irmão, Beckett, de cinco, após ele passar mal por conta de uma sessão de quimioterapia.

Beckett enfrenta uma leucemia linfoide aguda (LLA), tipo raro de câncer que aparece na infância. Desde que recebeu o diagnóstico da doença (em abril do ano passado), o garoto passa a maior parte do tempo no hospital para o tratamento.

"Uma coisa que não te contam sobre o câncer infantil é que ele afeta toda a família", desabafa a mãe na página Beckett Strong, no Facebook, que ela criou para documentar a luta do filho e pedir doações para custear o tratamento.

"Você sempre ouve falar sobre as dificuldades financeiras e médicas, mas com que frequência escuta sobre os problemas que enfrentam as famílias que têm outras crianças?", questiona Kaitlin.

"Para alguns, isso deve ser difícil de ver e ler por aí. Meus dois filhos, com 15 meses de diferença, foram de brincar na escola e em casa juntos para sentarem em um hospital frio também juntos", acrescenta a mãe, que relata como a condição clínica do mais novo tem afetado a mais velha.

"Minha filha então com quatro anos assistiu ao irmão ir de ambulância para a UTI (Unidade de Terapia Intensiva). Viu uma dezena de médicos colocarem uma máscara nele, cutucá-lo com agulhas e injetar muitos medicamentos no corpo dele. Ela não tinha certeza do que estava acontecendo, só que havia algo errado com irmão dela, seu melhor amigo", continua a mãe.

Foi em meio a esse contexto que, após uma sessão de quimioterapia, o garoto começou a passar mal e a menina o apoiou. "Ela ficou um bom tempo ao lado dele no banheiro, enquanto ele passava mal. Ela aguentou com ele. Deu apoio e cuidou dele, apesar da situação", emociona-se a mãe. "Desde esse dia, os dois estão ainda mais apegados. Ela sempre cuida dele".

O post comoveu internautas e, desde a última terça-feira (3), ultrapassou 52 mil curtidas e 33 mil compartilhamentos na rede social.

"Vê-los juntos me deixa feliz e triste"

Moradora do Texas, a mãe afirmou, em entrevista ao Daily Mail, que ver a proximidade de Aubrey e Beckett gera um conflito de sentimentos. "Quando os vejo juntos, fico feliz e triste ao mesmo tempo", declara Kaitlin.

Ela explica que os dois ficaram cada vez mais próximos e que a menina se dedica a ajudar a cuidar do irmão, mas que, por conta disso, ela não tem feito as outras coisas de que gostava.

"Ela ama ginástica e nós tivemos que dar uma pausa nisso por causa das nossas contas, seria muito caro nessa situação. Além disso, ela deveria estar correndo pela vizinhança com as crianças, brincando no parquinho, nadando na piscina - mas aqui, ela está cuidando do irmão", lamenta a mãe.

Desde que iniciou o tratamento, Beckett tem passado por sessões diárias de quimioterapia, além de ter sido submetido a transfusões de sangue e plaquetas. Se tudo correr bem, ele deve estar totalmente livre da doença em agosto de 2021.