segunda-feira, 30 de novembro de 2020
Busca

Portal T5

Futebol

Paraibano Índio, ídolo do Flamengo, morre aos 89 anos

Natural de Cabedelo, na Paraíba, Aluísio Francisco da Luz, o Índio, iniciou a carreira no Bangu, em 1947.

Por Redação Portal T5

12h55 - Atualizado 20/04/2020 às 12h55

Morreu neste domingo Índio, tricampeão carioca de 1953 a 1955 e um dos grandes ídolos da história do Flamengo. A informação foi confirmada pelo perfil oficial do Flamengo no Twitter. A causa do óbito, até o momento, não foi informada.

“É com muita tristeza que o Clube de Regatas do Flamengo comunica o falecimento do ídolo índio, que nos deixou neste domingo, aos 89 anos […]”, postou o cube nas redes sociais.

Natural de Cabedelo, na Paraíba, Aluísio Francisco da Luz, o Índio, iniciou a carreira no Bangu, em 1947. Chegou à Gávea em 1949, por onde permaneceu pelos oito anos seguintes, fazendo 140 gols em 217 partidas – 10º maior artilheiro da história do clube – e se sagrando campeão Carioca por três vezes – 1953, 1954 e 1955.

Em 1954, Índio ainda disputou a Copa do Mundo na Suíça com a Seleção Brasileira, tendo sido o último atleta daquele plantel ainda vivo. Com a camisa da Amarelinha também veio a disputa da Copa América de 1957. Sete partidas oficiais, dois gols.

Além do Flamengo, Índio teve passagem por outro gigante do futebol brasileiro, o Corinthians. Pelo clube paulista, foram 52 gols em 101 partidas entre 1957 e 1959. Passou ainda pelo futebol espanhol, jogando no Espanyol, da Catalunha, antes de se aposentar no América-RJ, em 1965.

Leia também:

+ Hulk faz doação de cestas básicas e kits de higiene durante live de Wesley Safadão

+ Enquete aponta quem sai do BBB nesta terça-feira: Babu, Manu ou Mari?

+ Live de Wesley Safadão chega a 10 horas de transmissão