Paraíba, terça-feira, 23 de outubro de 2018
33° C
Busca

Esportes

João Pessoa recebe taça da Copa do Nordeste nesta quinta-feira (8)

O mascote da competição também estará no local.

Por Carlos Rocha

00h32 - Atualizado 08/02/2018 às 05h38

Nesta quinta e sexta-feira (8 e 9) João Pessoa receberá a Taça da Copa do Nordeste. Ela ficará aberta para a visitação do público. Na quinta ela ficará na UFPB, já no segundo dia estará em 2 pontos. Pela manhã e tarde no Parque da Lagoa e à noite estará na Feirinha de Tambaú.

Durante a exposição haverá uma espécie de quiz com os visitantes, no qual as pessoas responderão a 10 perguntas e podem ganhar prêmios. O mascote da competição também estará no local.

A taça

A taça foi inspirada na famosa orelhuda da Champions League. Ela possui 9 anéis, cada um representa um dos estados do nordeste. A cada ano uma nova taça é produzida para que possa ser entregue ao time campeão. Apenas os jogadores campeões podem tocar na taça. Ela sempre é manuseada com luvas ou panos para que ninguém tenha contato até o dia da grande final.

A taça original da competição roda pelo nordeste durante o tour da taça para que todos os torcedores tenha a oportunidade de vê-la bem de perto.

Mascote

Zeca Brito é o mascote oficial da competição desde 2014, criado para representar a união entre todas as torcidas do nordeste, ele leva na pele a cultura da região. A Copa do Nordeste é a única competição do Brasil que tem um mascote oficial. Ele sempre está presente nos momentos mais importantes da competição.

Animal que representa: Bode Cores: Amarelo e Azul

Percurso da taça

Salvador: 15 a 19 de Janeiro
Aracaju: 22 e 23 de Janeiro
Maceió: 25 e 26 de Janeiro
Recife: 29 de Janeiro a 02 de fevereiro
Campina Grande: 05 e 06 de Fevereiro
João Pessoa: 08 e 09 de Fevereiro
Natal: 15 e 16 de Fevereiro
Teresina: 20 e 21 de Fevereiro
São Luís: 24 e 25 de Fevereiro
Fortaleza: 01 a 05 de Março

O campeonato

Das 14 edições realizadas, houve 7 clubes campeões. O Vitória é o maior vencedor do "Nordestão", com 4 títulos, seguido do Sport e do Bahia, com 3 conquistas, e de América de Natal, Campinense, Ceará e Santa Cruz, com 1 conquista cada.

Único time paraibano a vencer a competição foi o Campinense (2003).